Identificados presos que fugiram após cavarem buraco por baixo de muro de presídio

| FOLHA DE DOURADOS


(Foto: JP News)

Foram identificados os presos que fugiram na manhã desta segunda-feira (4), da penitenciária de segurança média de Três Lagoas a 338 quilômetros de Campo Grande. Eles cavaram um buraco por baixo do muro do estabelecimento penal.

Fugiram do presídio Rogério Moreira de Oliveira de 30 anos, que estava cumprindo pena por furto, corrupção de menores e homicídio, sendo condenado há 2 anos e dois meses. André Felipe Rossi Jozi de 26 anos, que estava cumprindo pena por tráfico de drogas.

Ricardo Clemente da Silva de 37 anos, que estava cumprindo pena por tráfico de drogas e havia sido condenado a sete anos de prisão, e Henrique Lacerda Silva de 37 anos, que estava cumprindo pena por tráfico de drogas, segundo o site JP News. Os presos fugiram por volta das 4 horas da madrugada desta segunda (4), quando fizeram um corte no alambrado e cavaram com as mãos um túnel por debaixo do muro.

Policiais que fazem a segurança da muralha chegaram a fazer disparos, segundo a assessoria da Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário de Mato Grosso do Sul), mas não foi possível conter a fuga.

A perícia técnica foi chamada até o estabelecimento penal para fazer os levantamentos e já foi providenciado o conserto das grades serradas pelos detentos, do Pavilhão 3 da cela 14. A Polícia Militar fez um cerco e faz buscas na cidade na tentativa de recapturar os detentos. (MidiaMax)



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE