Com novo mandato, Tavares projeta criação de Centro de Desenvolvimento do Tênis de Mesa

| ESPORTEMS


Presidente da entidade busca novos desafios no novo mandato (foto-EMS)

O dirigente Marco Antônio Tavares, representando a chapa “Trabalho Futuro', foi eleito  para um novo mandato de quatro anos à frente da Federação de Tênis de Mesa de Mato Grosso do Sul (FTMMS). E quem poderia pensar em apenas uma continuidade, sem grandes novidades na condução da entidade, se engana. O objetivo é fazer ainda mais nos próximos anos, buscando o crescimento do estado no cenário nacional.

A Federação completou 20 anos de fundação em março, sendo que Tavares fez parte do grupo de se mobilizou para sua criação. “Formamos um quadro de árbitros robusto e de grandes nomes. Nossos atletas estiveram em competições nacionais e venceram, e ainda puderam alguns integrar as Seleções Brasileiras. Tudo isso pela preocupação de formar bons treinadores de forma contínua', recorda o dirigente.

Mas a grande meta do novo mandato é a implantação do Centro de Desenvolvimento. “Ele servirá para alavancar as ações de formação, aperfeiçoamento e de médio rendimento, onde a proposta e treinar 200 atletas por mês. Nesse mesmo Centro será oportunizada a formação contínua dos técnicos, onde a interface com os projetos públicos desenvolvidos nas escolas de Campo Grande fomentará essa aliança de multiplicação de conhecimento', projeta Tavares.

A formação parece ser o grande objetivo da FTMMS, que participará ativamente do projeto Diamantes do Futuro, o que, segundo o presidente, incentivará e mensurará o potencial de descoberta de novos talentos. Além disso, com a adesão ao Novo Modelo de Competições e a melhora do sistema através do CBTMWEB, o Mato Grosso do Sul terá um ganho importante na modalidade.

Outro grande projeto, pessoal de Marco Antônio Tavares, tem o conceito de união entre esporte e turismo: “Seria realizado na cidade de Bonito, estância mundialmente conhecida pelas suas belezas naturais e que receberá um evento nacional e posteriormente internacional, chamado por nós de Bonito Open de Tênis de Mesa. Conto com a ajuda da CBTM, com os amigos, com os profissionais envolvidos e principalmente com meu maior tesouro, minha família', finaliza o dirigente.

Com assessoria



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE