Placa Mercosul: preciso trocar a minha placa?

Carros que atualmente usam placa cinza poderão mantê-la até seu descarte ou transferência

| ICARROS


As novas placas do Mercosul seguem o padrão para todos os países do bloco: Brasil, Argentina, Paraguai, Uruguai, Venezuela, Bolívia, Chile, Colômbia, Peru, Equador, Venezuela, Guiana e Suriname.

Preciso trocar a placa? 

Para os carros que atualmente utilizam a placa cinza, a troca pelo novo modelo só será necessária em caso de transferência de município e/ou estado, alteração de categoria, furto, extravio, roubo ou dano à placa. O dono poderá trocar a placa cinza pela nova a qualquer momento, se desejar.

Caso o carro já utilize a placa padrão Mercosul e faça transferência, não há alteração, prevalecendo o modelo novo. Não há mais identificação de município ou estado na nova placa, apenas a referência ao país e sua bandeira na faixa azul superior.

Como ficará a placa do meu carro? 

O novo padrão da Placa Mercosul estabelece três letras, seguidas por um numeral, outra letra e mais dois numerais para o Brasil. Carros com a placa antiga serão convertidos ao novo modelo trocando o segundo número por uma letra.

Assim, carros com número 0 trocarão para A, 1 para B, 2 para C, 3 para D, 4 para E, 5 para F, 6 para G, 7 para H, 8 para I e 9 para J. Por exemplo, um carro cuja placa atual seja AAA 0001 passará a ser identificado por AAA0A01 (sem espaço na nova placa), enquanto um FFF 3333 muda para FFF3D33.

Simule as parcelas do seu próximo carro aqui

Não será possível escolher uma nova combinação ou alterar qualquer número ou letra do veículo. As mudanças são padrozinadas e já regulamentadas pelo CONTRAN. As novas placas têm o mesmo tamanho das cinzas anteriormente utilizadas, por isso não haverá necessidade de adaptação.

Qual a cor da placa do meu carro? 

Assim como hoje existem placas com diversas colorações, o modelo novo seguirá a mesma lógica, porém de maneira mais discreta. O fundo branco e a faixa azul são padrões em todos os tipos de placa, o que muda é a penas a tonalidade das letras.

Placas com letras vermelhas são para automóveis comerciais, táxis e autoescolas. Letras azuis identificam carros oficiais, enquanto a dourada é para carros de consulados e diplomacias. A cor verde nas letras continua a identificar carros de teste, enquanto os clássicos anteriormente usando placa preta passarão a ser identificados por letras prata.

Acompanhe as novidades do mundo automotivo pelo iCarros no:

Facebook (facebook.com/iCarros) Instagram (instagram.com/icarros_oficial) YouTube (youtube.com/icarros)



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE