Federação de Futmesa é criada no MS e abre inscrições para curso de arbitragem

| ESPORTEMS


Futmesa Brasil / Divulgação

Um grupo de esportista se reuniram recentemente com o objetivo de fundar a Federação Sul Matogrossense de Futmesa. Conheça um pouco da história dessa nova entidade. A entidade vai promover a realização da primeira turna de arbitragem no próximo dia 29 e vai abrir inscrições. 

Um pouco da historia

Futmesa uma mistura de futebol, futvolei e tênis de mesa praticada por atletas amadores e profissionais de grandes clubes do futebol tanto masculino como feminino e junto ao público em geral. O esporte nasceu inspirado no teqball, que foi inventado em 2014 na Hungria por dois amantes do futebol, Gábor Borsányl, ex-jogador profissional, e Viktor Huszár, cientista da computação . A mesa utilizada por nós que tem uma curvatura nas laterais também inspirada no jogo dos Hungaros. No Brasil, foi a partir de uma brincadeira do atacante @neymarjr em 2017, que o esporte atraiu olhares de diversas pessoas.

Em nosso Estado não tivemos nenhuma competição oficial e ainda pouco praticada e conhecida, apenas alguns clubes sociais oferecem a oportunidade das pessoas praticarem como lazer e entretenimento, a partir desta análise tivemos a iniciativa de criar a nossa Federação com todos direitos oficiais e chancelada pela CFMB – Confederação de Futmesa do Brasil. No Brasil já temos 16 federações. A primeira açao da Federação apos fundação e filiação na Confederação foi a realização do curso para formação do quadro de arbitros. No caso curso será no dia 29 deste mês com os instrutores da confederaçao.

A diretoria da nova federação está assim composta

Presidente Professor Marcelo da Silva Pedagogo Profissional de Educação Física Técnico Futebol – FFMS Licença S – CBF Professor Beath Tênis – FSMBT Educador Social – PUC/SP Micro-empreendedor – Empresa Santo Gol Diretor técnico Prof. Rafael Lucas Graduado em Bacharel e licenciatura de educação fisica Acadêmico de nutriçao Diretor de arbitragem Evandro da Silva Santos Graduado em Teologia e Ciências da Computaçao Diretor de comunicação Rafael da Cruz Nantes Graduado em Jornalismo.

O lançamento oficial do novo esporte aconteceu nesta terça-feira, no Museu do Futebol, em Sao Paulo, com a presença dos ex-jogadores Fábio Luciano e Rodrigo Arroz e das vice-campeãs mundiais de futevôlei Nathália Guitler e Bianca Hiemer.

Os quatro fizeram um jogo exibição e também bateram bola com vários jornalistas, entre os quais o comentarista da TV Globo, Caio Ribeiro, ex-jogador do São Paulo.

O futmesa pode ser jogado em casa, na praia, no campo ou no parque, entre outros locais, seja como lazer, competição ou em técnica para aquecimento e treinamentos funcionais e/ou regenerativos.

A modalidade tem regras próprias, utilizando uma bola e uma mesa com rede para a sua prática. É possível jogar um contra um ou em duplas. Não é permitido tocar a bola com as mãos, podendo dar no máximo três toques na bola, sendo necessário colocá-la na metade oposta da mesa.

Jogadores como Neymar , Thiago Silva, Philippe Coutinho, Roberto Firmino e Casemiro, assim como o surfista Gabriel Medina são fãs do esporte. A CBF e clubes como Corinthians, São Paulo, Palmeiras, Internacional, Atlético-MG e Red Bull Brasil já usam a nova modalidade no dia a dia, como treinamento e, também, como recreação.

Futmesa Brasil / Divulgação

Idealizado pela empresa Futmesa Brasil, traz em sua história pioneirismo e inovação, além da paixão pelo esporte.

“Nos últimos três anos, desenvolvemos e fomos aprimorando a modalidade. Fundamos a Liga e, agora, o objetivo é organizar o primeiro campeonato oficial neste ano. Nosso sonho é que o esporte cresça cada vez mais, para que no futuro se torne olímpico. Vamos em busca disso”, afimou Flávio Deleo, um dos sócios.

“Serão criados departamentos dentro dos clubes de futebol e, na sequência, realizados torneios internos, regionais, até chegar a um campeonato nacional”, completou.

“Os jogadores profissionais já abraçaram a ideia. A modalidade é ideal também para a diversão de toda a família. A mesa é resistente ao sol, a chuva e pode ser colocada nos mais diferentes espaços. E estamos desenvolvendo a bola oficial, um pouco mais leve e mais macia do que a do futebol”, garantiu Juliano Alvizi, também sócio da empresa.

Desde quando surgiu, no ano passado, a Futmesa Brasil já comercializou mais de 200 mesas para diferentes estados do Brasil e, também, para o exterior, em países da Europa e da Ásia.

Com assessorias



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE