Jornalista Rodrigo Rodrigues morre aos 45 anos no Rio de Janeiro

| GAZETA ESPORTIVA


Rodrigo de Oliveira Rodrigues. Divulgação

Nesta terça-feira, aos 45 anos, morreu o jornalista, escritor e compositor Rodrigo Rodrigues, por conta de complicações decorrentes da covid-19. O profissional estava internado desde o último sábado na unidade de terapia intensiva do Hospital Unimed-Rio, no Rio de Janeiro.

Apresentador do SporTV, Rodrigo foi diagnosticado com covid-19 no começo do mês de julho. Após ter se sentido mal no último sábado, deu entrada no hospital carioca e passou por uma cirurgia para aliviar a pressão intracraniana em função de uma trombose venosa cerebral, a qual acabou não resistindo e vindo a óbito.

Nascido no Rio em 18 de abril de 1975, o jornalista teve longa passagem na televisão brasileira, passando por canais como TV Cultura, SBT, ESPN Brasil, Band, Gazeta e Esporte Interativo. Na Gazeta, RR, como era chamado, apresentou o programa "5 Discos", no qual recebia convidados do meio da música para falar sobre os discos mais importantes de sua carreira.

Conhecido por seu carisma e competência, Rodrigo também era vocalista da banda The Soundtrackers, que toca trilhas sonoras de cinema. Além disso, também escreveu dois livros: "As Aventuras da Blitz", sobre a trajetória da banda de Evandro Mesquita, e "London London", um guia para conhecer Londres de metrô.

O hospital Unimed-Rio emitiu uma nota oficial confirmando a morte do apresentador

Confira na íntegra:

Em nota oficial, o hospital Unimed Rio confirmou a morte do apresentador. Leia abaixo na íntegra: O Hospital Unimed-Rio informa, com pesar, que, após a realização de protocolo de avaliação na manhã desta terça-feira, foi atestada morte encefálica no paciente Rodrigo de Oliveira Rodrigues.

O paciente encontrava-se em estado grave e coma induzido, em unidade de terapia intensiva, desde o último domingo, 26/07, após ter sido submetido a procedimento para diminuição da pressão intracraniana em decorrência de uma trombose venosa cerebral. Rodrigo havia dado entrada na emergência da nossa unidade no sábado, 25/07, com quadro grave e diagnóstico prévio de covid-19.

Toda a equipe do Hospital Unimed-Rio se solidariza com familiares, amigos e admiradores do trabalho de Rodrigo Rodrigues.

Paulo Henrique Ribeiro Bloise
Diretor Médico



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE