Sindicato dos jogadores processa Fifa por Mundial de Clubes de 2025

Com apoio da FifPro, representantes dos atletas do futebol inglês e francês entram com ação contra entidade máxima do futebol

| GLOBOESPORTE.COM / REDAçãO DO GE


Saiba os detalhes do novo Mundial de Clubes

Membros da FifPro, sindicato internacional dos jogadores de futebol, entraram, nesta quinta-feira, com uma ação judicial contra a Fifa, devido à criação do Mundial de Clubes de 2025. O grupo entende que a entidade agiu unilateralmente no calendário internacional de jogos e as decisões tomadas violam os direitos dos atletas.

Com o apoio da FifPro, a Associação de Jogadores Profissionais de Futebol da Inglaterra e a francesa União Nacional de Jogadores Profissionais pediram ao Tribunal de Comércio de Bruxelas para levar o caso ao Tribunal de Justiça da União Europeia. A premissa são direitos garantidos pela Carta dos Direitos Fundamentais da União Europeia, como proibição de trabalho forçado, liberdade de trabalho, negociar acordos coletivos, ter condições saudáveis de trabalhos, e período anual de férias remuneradas.

+ Mundial de Clubes 2025 pode fazer times europeus baterem 70 jogos

Com o novo Mundial de Clubes com 32 times, serão três anos seguidos com competições internacionais marcadas para junho e julho (Eurocopa/Copa América em 2024, Mundial de Clubes em 2025 e Copa do Mundo em 2026). Esse é tradicionalmente o período de férias no futebol europeu. A FIFPro e a Associação Mundial das Ligas (WLA) haviam ameaçado a Fifa com ações legais por causa desse calendário.

+ Real Madrid desmente Ancelotti e garante que disputará Mundial de Clubes de 2025 + Ancelotti diz que Real Madrid não vai participar do Mundial, mas volta atrás

- Uma vez que todas as tentativas de diálogo falharam, agora cabe a nós garantir que os direitos fundamentais dos jogadores sejam plenamente respeitados, levando a questão para os tribunais europeus e, portanto, ao Tribunal de Justiça da União Europeia. Não se trata de estigmatizar uma determinada competição, mas de denunciar tanto o problema subjacente como a gota d'água que fez o copo transbordar - declarou o presidente da FifPro Europa, David Terrier.

Na época das ameaças, a Fifa rebateu a FifPro e a WLA, alegando que houve consultas com confederações continentais, ligas, clubes e jogadores, além de que organiza "uma pequena fração" de partidas de clubes por ano.

A Associação Europeia de Clubes (ECA) assinou um memorando de entendimentos com a Fifa em 2023, o qual inclui promessas de cooperação na organização de competições de clubes e uma voz maior dos times em decisões comerciais da edição de 2025 do Mundial.

Manchester City e Chelsea, ambos da Inglaterra, e Paris Saint-Germain, da França, vão disputar o novo Mundial de Clubes. Completam a lista de 12 times europeus no torneio: Real Madrid e Atlético de Madrid (Espanha); Bayern de Munique e Borussia Dortmund (Alemanha); Inter de Milão e Juventus (Itália); Benfica e Porto (Portugal); e RB Salzburg (Áustria).

O formato do Mundial de Clubes 2025:

Acontecerá nos Estados Unidos, entre os dias 15 de junho e 13 de julhoOito grupos com quatro times cada que se enfrentam em turno únicoOs dois melhores se classificam para as oitavas de finalMata-mata em jogo únicoNão haverá disputa de terceiro lugar

Confira os 29 times já classificados para o Mundial de Clubes de 2025 com 32 times:

Palmeiras (Brasil): campeão da Libertadores 2021Flamengo (Brasil): campeão da Libertadores 2022Fluminense (Brasil): campeões da Libertadores 2023Chelsea (Inglaterra): campeão da Champions League 2020/2021Real Madrid (Espanha): campeão da Champions League 2021/2022Manchester City (Inglaterra): campeão da Champions League 2022/2023Bayern de Munique (Alemanha): via ranking da EuropaBorussia Dortmund (Alemanha): via ranking da EuropaParis Saint-Germain (França): via ranking da EuropaInter de Milão (Itália): via ranking da EuropaJuventus (Itália): via ranking da EuropaPorto (Portugal): via ranking da EuropaBenfica (Portugal): via ranking da EuropaAtlético de Madrid (Espanha): via ranking da EuropaRB Salzburg (Áustria): via ranking da EuropaAl-Hilal (Arábia Saudita): campeão da Champions League da Ásia de 2021Urawa Red Diamonds (Japão): campeão da Champions League da Ásia de 2022/23Al Ahly (Egito): campeão da Liga dos Campeões da África de 2020/2021Wydad Casablanca (Marrocos): campeão da Liga dos Campeões da África de 2021/2022Monterrey (México): campeão da Concachampions de 2021Seattle Sounders (Estados Unidos): campeão da Concachampions de 2022León (México): campeão da Concachampions de 2023Auckland City (Nova Zelândia): campeão da Champions League da Oceania mais bem ranqueadoMamelodi Sundowns (África do Sul): via ranking da ÁfricaEspérance (Tunísia): via ranking da ÁfricaUlsan (Coreia do Sul): via ranking da ÁsiaRiver Plate (Argentina): via ranking da ConmebolAl Ain (Emirados Árabes): campeão da Champions League da Ásia de 2023/24Pachuca (México): campeão da Concachampions 2024



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE