O valor oferecido pela Fifa ao clube merengue é insuficiente e o Real vai recusar o convite 'como outros clubes'.

O torneio do qual Carlo Ancelotti afirmou que não vai participar tem 29 times classificados até o momento

| FUTEBOL INTERIOR


{{ game.teamA.name_abbr }}

 O técnico do Real Madrid, Carlo Ancelotti, afirmou que o clube não participará da próxima edição do Mundial de Clubes, que terá novo formato em 2025. De acordo com o italiano, o valor oferecido pela Fifa ao time espanhol para participar do campeonato não é suficiente.

A informação foi dada em entrevista ao jornal Il Giornale, da Itália. “Assim como nós, outros clubes vão recusar o convite”, disse o treinador. O “Super Mundial de Clubes”, como vem sendo chamado o novo modelo do torneio, possui 32 times, das quais 29 já estão confirmados. Palmeiras, Flamengo e Fluminense estão nesta lista.

Ainda de acordo com Ancelotti, a Fifa desejava pagar ao atual campeão da Liga dos Campeões o total de 20 milhões de euros (cerca de R$ 115 milhões) pela participação na competição – valor que, para o técnico, corresponde a somente uma partida da equipe madrilenha.

Com a conquista da Liga dos Campeões da última temporada europeia, o Real Madrid garantiu também vaga na Copa Intercontinental, novo torneio criado pela Fifa. Participam da competição os seis campeões continentais, e apenas a América do Sul não tem seu representante definido. Planejada para dezembro, a competição substitui a edição anual do Mundial de Clubes.

Já o “Super Mundial de Clubes” será disputado entre 15 de junho e 13 de julho de 2025, nos Estados Unidos.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE