Conselheiras do CNJ participam de webinário sobre violência de gênero nesta sexta

| TJMS


Nesta sexta-feira, às 16 horas (horário de MS), será realizado mais um encontro do 1º Webinário sobre Violência de Gênero do TJMS. Promovido pela Coordenadoria Estadual da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar de MS, em parceria com a Escola Judicial (Ejud-MS), o webinário é realizado totalmente no formato online e o centro das discussões deste encontro é o objetivo nº 5 da Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas (ONU), o qual discorre sobre ações de enfrentamento para o fim da desigualdade de gênero.

Ao longo de duas horas, o evento, intitulado 'Integração da Agenda 2030 ao Poder Judiciário: Estratégias de Comunicação e Mobilização' será coordenado pela conselheira do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), Maria Cristina Ziouva, e terá como palestrantes a também conselheira do CNJ, Maria Tereza Uille, e a assessora de comunicação e advocacy da ONU Mulheres Brasil, Isabel Clavelin.

A Agenda 2030 traz especificamente em seu objetivo nº 5 o alcance da igualdade de gênero e o empoderamento de todas mulheres e meninas, acabando com todas as formas de violência e discriminação contra as mulheres, o que motivou a inclusão do tema no webinário.

A conselheira Maria Cristiana Ziouva é supervisora da Política Judiciária Nacional de enfrentamento à Violência contra as Mulheres. Já a conselheira Maria Tereza Uille é coordenadora do comitê interinstitucional do CNJ que trata da integração do Poder Judiciário com a Agenda 2030 da ONU. Isabel Clavelin é jornalista e doutora em comunicação pela Universidade de Brasília (UnB).

Segundo a juíza Helena Alice Machado Coelho, que responde pela Coordenadoria da Mulher, esta ação inovadora no âmbito do Poder Judiciário sul-mato-grossense pretende resultar em efeitos significativos na promoção da igualdade de gênero nos espaços públicos e privados: “É a primeira vez que a Coordenadoria da Mulher realiza uma ação dessa magnitude, em razão dos participantes de reconhecimento nacional, e nossa intenção é trazer as pessoas para esse debate imprescindível, que certamente resultará em muitas reflexões'.

O evento será transmitido ao vivo, das 16 às 18 horas (horário MS) e terá certificado de participação. As inscrições podem ser preenchidas no link http://ejud.tjms.jus.br/webinariovd/,  mesmo link que permitirá assistir ao webinário. O certificado ficará condicionado ao preenchimento do formulário de presença que estará disponível no chat do YouTube durante a transmissão.

O primeiro encontro do webinário foi realizado na última sexta-feira (3) e tratou do Patriarcalismo Jurídico e Perspectiva de Gênero, coordenado pelo ministro Rogério Schietti Cruz (STJ), tendo como palestrantes o Des. Roger Raupp Rios, do TRF da 4ª Região, e a professora Ana Lúcia Sabadell, da Universidade de Lisboa.

Acesse o link https://youtu.be/R9WOTjAtUpE para assistir o evento do dia 3 de julho.

Saiba mais – O 1º Webinário sobre Violência de Gênero para discutir “Políticas e prestação jurisdicional sob a perspectiva de gênero' é uma realização do Tribunal de Justiça por meio da Coordenadoria Estadual da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar de MS, em parceria com a Escola Judicial (Ejud-MS).

A ação foi desenvolvida com o objetivo de disseminar conhecimento, criar espaços de debates e de trocas de experiências no atual contexto de isolamento social. Esta é a primeira vez que a Coordenadoria da Mulher realiza uma ação dessa magnitude, com a presenta de participantes de reconhecimento nacional no assunto.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE