Desenvolve Dourados em Ação Especial Indígena efetuou mais de seis mil atendimentos

Diversos serviços gratuitos foram oferecidos na Escola Guateka na Aldeia Jaguapiru durantes cinco dias

| ASSESSORIA


A ação, ofereceu diversos serviços gratuitos para os moradores. Foto: Marcos Adriano/Assecom

O DDA (Desenvolve Dourados em Ação) edição Especial Indígena realizou 6.057 atendimentos entre os dias 5 e 9 de fevereiro, na Escola Guateka, na Aldeia Jaguapiru. A Prefeitura de Dourados foi parceira na ação da Justiça Federal Itinerante, que efetuou um grande mutirão para atender a população das Aldeias Jaguapiru, Bororó e Panambizinho

A ação, ofereceu diversos serviços gratuitos para os moradores. Dentre os serviços mais procurados estão a emissão de documentos. Foram emitidos 623 RGs, 493 CPFs e 580 títulos de eleitor. A Secretaria de Agricultura Familiar distribuiu 500 mudas durante os cinco dias de atendimento.

“Foi uma importante parceria de organizações públicas e não governamentais. O mutirão tem como objetivo levar atendimento a locais distantes dos fóruns e de difícil acesso aos jurisdicionados, para a solução de problemas judiciais, extrajudiciais e documentais de forma fácil e rápida para os moradores”, disse o Prefeito Alan Guedes. 

Entre os serviços disponíveis estavam: orientação sobre benefícios previdenciários, concessão de aposentadorias, auxílio-doença, salário-maternidade, benefício assistencial, pensão por morte; expedição de certidões de nascimento, casamento e óbito, Cadastro de Pessoas Físicas (CPF), título de eleitor e carteira de identidade; cobrança; Carreta Odontológica e Carreta do Hospital do Amor, que oferece exames gratuitos. 

Na ocasião, também foram atendidas demandas relacionadas ao direito de família, como alimentos, divórcio, DNA, guarda, reconhecimento ou dissolução de união estável, conversão em casamento e reconhecimento espontâneo de paternidade. Durante a força-tarefa, mais de 200 pessoas trabalharam para atender as demandas das aldeias.