Audi e-tron Sportback chega ao mercado brasileiro ainda em 2020

| NOTICIAS AUTOMOTIVAS


O Audi e-tron Sportback foi confirmado pela marca alemã, durante live de apresentação do e-tron, para o mercado brasileiro ainda em 2020, apesar da pandemia da Covid-19. O crossover com estilo cupê e propulsão elétrica, foi lançado em fevereiro de 2020.

Mesmo com o coronavírus, a Audi pretende coloca-lo no mercado nacional, onde será o segundo modelo elétrico da gama nacional. Produzido também em Bruxelas, o Audi e-tron Sportback chega com proposta mais jovial e esportiva.

O crossover chama atenção com faróis Matrix LED em forma de bumerangue, grade hexagonal decorativa e para-choque com molduras triangulares laterais bem destacadas.

Com queda suave no teto, o Audi e-tron Sportback dispõe de colunas C bem inclinadas e uma pequena deflexão na tampa do bagageiro, criando assim um spoiler natural. Na traseira, as lanternas em LED são integradas, gerando um visual interessante.

Por dentro, o Audi e-tron Sportback tem um painel compartilhado com o e-tron, destacando as três telas digitais para cluster, multimídia MMI Plus e climatização, além de túnel largo com alavanca em forma de manete.

Com volante de quatro raios, o crossover elétrico conta também, de forma opcional, com sistema de câmeras de função retrovisor, reproduzidas as imagens em pequenas telas instaladas nas portas, assim como no Audi e-tron.

Da mesma forma que no irmão SUV mais familiar, o Audi e-tron Sportback tem um porte grande, medindo 4,901 m de comprimento, 1,935 m de largura e 1,616 m de altura, tendo entre-eixos longo.

Na propulsão, ele apresenta duas opções, sendo a versão 50 quattro tem 311 cavalos e 54,9 kgfm, tendo bateria de 71 kWh e autonomia de 347 km, indo de 0 a 100 km/h em 6,8 segundos e com máxima limitada em 190 km/h.

Já a versão 55 quattro tem potência combinada de 360 cavalos e 57 kgfm, sendo equipado com baterias de 95 kWh e com autonomia de 446 km. A aceleração de 0 a 100 km/h é feita em 6,6 segundos e com final de 200 km/h (limitada).

Provavelmente será essa a versão escolhida para o mercado nacional e seu preço deve ficar próximo do Audi e-tron, que custa entre R$ 449.990 e R$ 499.990.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE