Novembro começa com 4,8 mil vagas ofertadas pela Funtrab em todo o Mato Grosso do Sul

| GOVMS / NRODRIGUES


Índice que praticamente coloca o Estado em status de pleno emprego (4% de desocupação apenas) e vagas ainda assim sendo oferecidas. Mato Grosso do Sul atingiu um patamar econômico estável e que o coloca como um lugar marcado pela prosperidade. Só neste início de novembro, já próximo da reta final do ano, são 4.840 vagas em aberto.

Todas essas vagas estão disponíveis na Funtrab (Fundação do Trabalho de Mato Grosso do Sul), agência pública de empregos vinculada à Semadesc (Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação) e ao Governo do Estado.

Graças à política descentralizadora do Governo, as vagas estão espalhadas por todo o Estado, e abrindo novas frentes de trabalho e geração de renda - marca de um projeto de desenvolvimento realizado ao longo de praticamente uma década pelo poder público local. Os frutos colhidos agora são prova do ambiente propício aos negócios aqui criado.

Só em Campo Grande, são 1.701 postos de trabalho oferecidos nas mais diversas áreas em profissões como açougueiro, ajudante de carga e descarga de mercadoria, balconista, auxiliar contábil e administrativo, auxiliar de desenvolvimento infantil, farmacêutico, engenheiro agrônomo, fisioterapeuta, fonoaudiólogo, gerente, topógrafo, entre outras. Há vagas também para PcD (Pessoa com Deficiência) e para estagiários.

Já no interior, as vagas se dividem pelas cidades. Em Chapadão do Sul, novembro começa com 413 sendo oferecidas, enquanto 363 estão disponíveis em Cassilândia, 289 em Três Lagoas e 563 em Dourados. Na lista aparecem com destaque ainda Ivinhema (132 vagas), Batayporã (122), Nova Andradina (122), Costa Rica (121), Sidrolândia (133), Amambai (99), Naviraí (93), Iguatemi (83), Corumbá (62), Paranaíba (59), Aquidauana (54), Miranda (54), Rio Verde de Mato Grosso (53), Caarapó (48), Maracaju (46), Nova Alvorada do Sul (43) e Jardim (43).

A lista completa de vagas e os respectivos endereços das unidades da Casa do Trabalhador desses municípios pode ser conferido neste link, baixando o arquivo em formato PDF . Ali, também consta além do endereço o horário de funcionamento de cada casa.

Nyelder Rodrigues, Comunicação Governo de MS Foto: Bruno Rezende



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE