Marcelo coloca classificação na conta de Diniz e comemora: ‘Fluminense é time de guerreiro’

O Fluminense aguarda agora o vencedor do duelo entre Palmeiras e Boca Juniors, marcado para esta quinta-feira, às 21h30, no Allianz Parque

| FUTEBOL INTERIOR


Marcelo em ação pelo Fluminense

Um dos pilares do técnico Fernando Diniz, o lateral Marcelo não escondeu a felicidade de ajudar a recolocar o Fluminense na final da Copa Libertadores 15 anos depois da última vez que o clube esteve na decisão ao vencer o Internacional, de virada, por 2 a 1, no Beira-Rio. Em 2008, perdeu para a LDU.

Nesta quarta-feira, o Fluminense perdia até os 41 minutos, quando iniciou a reação com John Kennedy. Cano confirmou a classificação com gol nos acréscimos. 

“Nosso objetivo era chegar à final. Hoje é um dia muito importante para os tricolores. Chegamos desacreditados pelos de fora, mas os de verdade estavam conoscol. Provamos que o Fluminense é um time de guerreiro', disse.

Marcelo destacou a dificuldade de despachar o Internacional atuando em Porto Alegre. “Nenhum jogo da Libertadores foi fácil. Pegamos um time difícil, em um estádio difícil, e conseguimos vencer', afirmou.

O lateral ainda elegeu o principal responsável pela classificação do Fluminense na Libertadores: Fernando Diniz. “Treinamos muito e fomos merecedores. É tudo por culpa dele. É tudo por causa do Diniz', disse.

FINAL

O Fluminense aguarda agora o vencedor do duelo entre Palmeiras e Boca Juniors, marcado para esta quinta-feira, às 21h30, no Allianz Parque, para conhecer o seu adversário na decisão, que será no dia 04 de novembro, no Maracanã.