Como eliminação na Libertadores de 2022 fez time do Fluminense se unir e elenco se tornar família


Pela segunda vez em sua história, o Fluminense busca chegar na final da CONMEBOL Libertadores. Para isso, precisará vencer o Internacional no Beira-Rio na noite desta quarta-feira (4), às 21h30 (de Brasília).

Nas quartas, o Tricolor eliminou o Olimpia, exorcizando um fantasma de outros anos, como aconteceu em 2022. A eliminação na última temporada, porém, serviu para que o Tricolor se tornasse ainda mais forte como um time.

Em entrevista ao ESPN.com.br, Felipe Melo exaltou o ambiente da “família Fluminense' e citou a derrota no Paraguai como um momento chave para a construção desse sentimento de união que segue vivo nos dias atuais.

“Ano passado, quando nós perdemos para Olimpia, nós estivemos juntos a todo momento. Isso foi no ano passado, quando nós perdemos aquela eliminação fatídica contra o Corinthians. Nós estivemos juntos também. Esse ano, quando nós perdemos na Copa do Brasil para o nosso rival (Flamengo)', disse.

'Nós estivemos juntos, porque é muito fácil nós falarmos que o grupo é muito bom e muito unido no momento de vitória. Mas nós sabemos que a união é forjada em momentos de dificuldade. É em momento de dificuldade que a gente vê quem é que está conosco, que torce junto conosco e que chora junto conosco, que nos abraça, fala que vai conseguir, vai dar certo, vamos dar a volta por cima', seguiu.

'E esse grupo faz isso. Então é por isso que eu tenho muita, muita esperança de que Deus vai nos abençoar e a gente vai continuar fazendo história no Fluminense', completou.

Na partida de ida, o Fluminense saiu na frente, mas viu o Inter virar o placar na segunda etapa. No fim, mesmo com um a menos, o Tricolor buscou o empate em 2 a 2 com Germán Cano. Quem vencer fica com a vaga. Um novo empate leva a disputa para as penalidades.

Próximos jogos do Fluminense:

Internacional (F) - 04/10, 21h30 (de Brasília) - CONMEBOL Libertadores

Botafogo (C) - 08/10, 16h (de Brasília) - Brasileirão

Corinthians (C) - 18/10, 21h30 (de Brasília) - Brasileirão