Abel Ferreira assume responsabilidade por má fase no Palmeiras, mas lembra apoio da torcida

| GAZETA ESPORTIVA


O Palmeiras empatou com o Internacional neste domingo e assumiu sua pior colocação nesta temporada do Brasileirão. O treinador Abel Ferreira concedeu entrevista após a partida e assumiu total responsabilidade pela má fase vivida no clube.

Abel Ferreira foi claro ao dizer que é o 'máximo responsável' pelo desempenho ruim do Palmeiras nos últimos jogos. O treinador, que optou por poupar dois dos seus principais nomes, Dudu e Rony, para a partida deste final de semana, assumiu inclusive a responsabilidade por levar seus jogadores ao limite do cansaço.

'Faz parte. Há dois anos que ando a dizer que o Palmeiras é o time a ser batido. Agora sim, têm a oportunidade de criticar o treinador. O máximo responsável por tudo que está acontecendo sou eu. Eu que coloco os jogadores, escolho os jogadores e infelizmente levei ao limite os nossos jogadores', disse.

O português também fez questão de relembrar o apoio que tem tido da torcida. Diferente do comum quando se trata de más fases no futebol brasileiro, os torcedores palmeirenses não têm direcionado suas críticas ao treinador, mas sim à diretoria do clube. Abel Ferreira brincou sobre sua relação com os adeptos.

'Até a data de hoje, ganhando e perdendo, nem a minha mulher nem as minhas filhas me dizem tanto como os torcedores me dizem 'eu amo você'', revelou.

O Verdão terminou a 15ª rodada na sexta colocação, com 25 pontos. A queda na tabela é consequência da sequência ruim pela qual o Palmeiras tem passado, a pior sob o comando de Abel Ferreira. Com o empate deste domingo, são cinco jogos sem vencer. Agora, resta à equipe lutar pela Libertadores e por uma recuperação no Brasileirão. No próximo sábado, os alviverdes voltam a campo para encarar o Fortaleza no Allianz Parque.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE