Polícia paraguaia apreende facas, celulares e drogas em presídio que foi palco de fuga na fronteira com MS

Polícia do país vizinho encontrou 40 facas na penitenciária de Pedro Juan Caballero, além de telefones celulares, carregadores e armas. Presídio foi palco de fuga de 76 presos paraguaios e brasileiros em janeiro deste ano.

| G1 / MARTIM ANDRADA E JOãO PEDRO GODOY, TV MORENA E G1MS


A polícia do Paraguai realizou, na manhã desta quinta-feira (11), uma apreensão de armas brancas, celulares e drogas, no presídio de Pedro Juan Caballero, município que fica na fronteira do país vizinho com Mato Grosso do Sul.

Conforme a polícia paraguaia, na vistoria realizada na penitenciária foram encontradas 40 facas, de diversos tamanhos, além de telefones celulares, carregadores e drogas. Os policiais agora devem investigar como todo o material foi parar dentro do local.

Em janeiro, o presídio foi palco da fuga de 76 presos, brasileiros e paraguaios, muitos pertencentes a uma facção criminosa. Na época, vários municípios de Mato Grosso do Sul reforçaram a segurança para prender os foragidos e até o Ministério da Justiça e Segurança Pública brasileiro interferiu, tentando fechar a fronteira e trabalhando em parceria com a polícia do país vizinho.

Mesmo com os esforços, apenas 8 presos foram recapturados. Ainda em janeiro, 31 agentes e o diretor do presídio foram presos preventivamente, suspeitos de facilitarem a fuga. O caso ainda está em andamento na Justiça paraguaia.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE