Início das obras de drenagem exige interdições próximo ao Córrego Paragem

Agetran trabalha no cronograma das interrupções das vias mais movimentadas

| ASSESSORIA


A obra na Coronel Ponciano vai melhorar mobilidade urbana e contribuir com o desenvolvimento da cidade. 

A Prefeitura de Dourados, por meio da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito), informa que com o início das obras de drenagem de águas pluviais e pavimentação asfáltica, que fazem parte do projeto da avenida Coronel Ponciano, alguns pontos já começam a ser interditados para a execução do trabalho e segurança da população. 

“Neste primeiro momento, devido o início obra de drenagem de águas pluviais iniciamos uma interdição na região do Córrego Paragem e estamos trabalhando no cronograma das interrupções das vias, que serão necessários com o objetivo de minimizar eventuais contratempos para os moradores da região', explica a diretora-presidente da Agetran, Mariana de Souza Neto. 

A obra de drenagem tem o objetivo de melhorar o escoamento da água de chuva e minimizar a ocorrência de eventuais alagamentos, além de melhorar as condições de tráfego de pessoas e veículos, favorecimento à saúde, ao meio ambiente e a redução de custo de manutenção das vias. 

Nos próximos dias, a interdição deve acontecer na Rua Josué Garcia Pires, antiga W-11, nas proximidades da Escola Municipal Neil Fioravanti (Caic), no Parque dos Coqueiros. A via é bastante utilizada pela população, pois corta o Córrego Paragem e facilita o acesso entre a região do Água Boa e Parque Nova Dourados, Terra Roxa e a avenida Coronel Ponciano.

“Já realizamos reunião com a Engepar, que é a empresa responsável pelas obras e com as lideranças dos bairros adjacentes, onde informamos o cronograma de trabalho e nos próximos dias estaremos em contato direto com os moradores da Rua Josué Garcia Pires', informa Mariana. 



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE