Em entrevista concedida à Gazeta MS e rádio 104.9 FM, o prefeito de Laguna Carapã, Ademar Dalbosco (MDB), elencou o número de obras em evidência no município, numa grande parceria com o Governo do Estado, da harmonia com a Câmara de Vereadores, dentre outros, na busca do bem estar social. “Estamos construindo e reformando escolas e Ceims, o Ginásio Municipal, entrega de pavimentação asfáltica beneficiando a Sede, Distritos e as Aldeias Indígenas”, asseverou. Porém o projeto de grande monta que vai trazer outro aspecto na entrada da cidade, via Amambai, é a construção do Parque Municipal. “Tudo isso está sendo possível porque nunca na história de Laguna Carapã se trabalhou tanto em parceria como atualmente e eu destaco empenho dos secretários, vereadores, assessores, deputados e o governo realmente pela visão municipalista.
Segundo Dalbosco, o projeto do Parque Municipal localizado numa área de alagamento, quando pronto será um dos principais cartões postais da cidade foi orçado em R$ 9 milhões, dinheiro proveniente do estado. “Seria impossível nosso município bancar uma obra desse montante”, disse. Ademar Dalbosco comentou que aos 30 anos hoje, Laguna Carapã vive um momento extraordinário em todas as frentes. “Fizemos mudanças importantes como a criação de novas secretarias, por exemplo, tudo com o objetivo de melhorar a nossa gestão.
Eleições 2022
Em todo País as eleições deste ano foram consideradas tranquilas, mesma realidade vivida pelos lagunenses. Com economia centrada no agro, o prefeito defende a permanência do presidente Jair Bolsonaro em Brasília e Eduardo Riedel no MS. Ressaltou ainda as parcerias com Geraldo Resende, Dagoberto Nogueira e Beto Pereira, deputados federais; Renato Câmara e Marcio Fernandes (estaduais); Tereza Cristina (Senado) e de todos que tem olhar especial para com Laguna Carapã.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE