Laudir solicita instalação de faixas elevadas em locais de grande movimentação e melhorias para bairros

| CâMARA DOURADOS / ASSESSORIA


Laudir durante sessão ordinária desta segunda-feira Foto: Valdenir Rodrigues/CMD

Nesta segunda-feira (03), o vereador Laudir Munaretto (MDB) apresentou diversas indicações durante a 33ª e a 34ª Sessão Ordinária, na Câmara Municipal de Dourados.

A primeira solicitação é para que o Executivo Municipal realize estudos visando a instalação de faixas elevadas para travessia de pedestres nas vias próximas a estabelecimentos de ensino públicos, privados e de hospitais.

O objetivo é garantir a segurança dos munícipes, principalmente nos horários de entrada e saída das escolas e em frente aos hospitais de Dourados, pois esses locais apresentam intenso movimento e, por vezes, ficam tumultuados.

TAPA BURACOS NO JARDIM ÁGUA BOA

Outro ponto destacado durante a Sessão Ordinária, foi a necessidade de realizar o serviço de tapa-buracos na Rua Mozart Calheiros, esquina com a Mato Grosso, em frente à Escola Estadual Maria da Gloria Muzzi Ferreira, no Jardim Água Boa.

A solicitação ao Executivo Municipal ocorreu após pais e alunos procurarem o vereador para reclamar da situação precária da via, que chegou em um ponto intolerável.

CHÁCARA CALIFÓRNIA/ VILA SÃO BRÁS

O vereador Laudir Munaretto também solicitou o patrolamento e o cascalhamento das ruas dos sete corredores públicos, não pavimentados, da Chácara Califórnia.

Por falta de infraestrutura, as ruas ficam repletas de buracos e alagam no período de chuvas, ficando intransitável. Com isso, muitas vezes, os moradores da região não conseguem acessar as próprias residências por causa da lama, das crateras e alagamentos nas ruas.

Na mesma sessão, o parlamentar solicitou providências em relação ao patrolamento e cascalhamento das ruas da Vila Nova, localizada aos fundos da Vila dos Ofícios na Vila São Brás. A indicação objetiva garantir o tráfego seguro na região.

“Precisamos de ações que garantam um trânsito mais seguro na nossa cidade e isso está diretamente ligado com a necessidade de termos vias bem conservadas, sem buracos, e instalações de faixas elevadas para travessia de pedestres em locais movimentados”, explicou Laudir.