Ações do Setembro Amarelo mobilizaram alunos da Rede Municipal de Dourados

Estudantes participaram de palestras e produziram trabalhos manuais sobre o tema

| ASSESSORIA


A Prefeitura de Dourados, por intermédio da Semed (Secretaria Municipal de Educação) preparou uma agenda de atividades para trabalhar a campanha Setembro Amarelo com os alunos da Reme (Rede Municipal de Ensino) durante este mês, que foi dedicado à prevenção ao suicidio e valorização da vida. 

Heloisa Bortolotto e Adriana Miqueletti, psicólogas da Semed, acompanharam as ações desenvolvidas pelas escolas E.M Indígena Agustinho, E.M Laudemira Coutinho De Melo, EM. Neil Fioravanti – CAIC, E.M Profª Efantina De Quadros e E.M Bernardina Corrêa de Almeida. Também foi realizada uma palestra na Câmara Municipal em parceria com a Comcex (Comissão Municipal de Enfrentamento de Violência Sexual).

“A prevenção de violência autoprovocada no ambiente escolar começa com o cuidado e com a postura de acolhimento dos profissionais das unidades de ensino. Não somente em setembro, mas a Semed tem o cuidado de tratar desse tema ao longo de todo ano letivo. São realizadas diversas reuniões envolvendo coordenadores e diretores', disse Heloisa Bortolotto.

As escolas produziram trabalhos manuais, como cartazes, caixinha do desabafo, painel de recados positivos, entre outros. Também foram realizadas palestras, apresentações musicais e teatros para sensibilizar os alunos.

Confira a galeria

E.M Profª Efantina De Quadros

Os estudantes produziram cartazes de conscientização e painel de recadinhos. A escola também organizou conversas nas salas de aulas, palestras com psicólogos e trabalhou o acolhimento com os professores. 

E.M Indígena Agustinho

Todas as turmas produziram trabalhos manuais sobre a valorização da vida, além de apresentações musicais, teatros e rodas de conversa.

E.M Laudemira Coutinho De Melo

As psicólogas da Semed realizaram uma palestra com as turmas do 6º ano.

EM. Neil Fioravanti – CAIC

Acadêmicos de Psicologia da Ufgd e da Semed palestraram para os estudantes do 8º ano.

E.M Bernardina Corrêa de Almeida

As turmas receberam palestras explicando sobre o tema, e produziram desenhos e painéis. 



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE