Leia Coluna do Jonas deste sábado, 24

| REDAçãO


Jonas Alves da Silva - Silva Junior. Arqivo

Dourados, 22 de Setembro - Dia do Mototaxista (SP).

Niver: Thiago Prates, Nilsinho Silva, Edson José da Silva, Leticia Rosa, Cleberson Clebão, Kezia Pereira, Marcelo Ortiz - Ensina-nos a contar os nossos dias, de tal maneira que alcancemos corações sábios. Salmos 90:12

Debate na segunda-feira

Nesta segunda-feira, dia 26, acontecerá um debate entre os candidatos ao governador do Estado, promovido pelo SBT MS, TV RIT e Top Mídia News. O encontro acontecerá no anfiteatro da faculdade Istend, em Campo Grande.

Os oito candidatos: Adonis Marcos (PSOL), André Puccinelli (MDB), Capitão Contar (PRTB), Eduardo Riedl (PSDB), Giselle Marques (PT), Magno de Souza (PCO), Marquinhos Trad |(PSD) e Rose Modesto (União Brasil), confirmaram participação.

Propostas

O mediador do debate será o jornalista Alexandre Giachetto, diretor da TV RIT, editor chefe e apresentador do principal telejornal nacional da emissora, o Jornal das 22h.

Serão duas horas de embate direto entre os postulantes ao cargo de governador, com programação de cinco blocos. Uma excelente oportunidade para o eleitor (principalmente o indeciso) analisar as propostas dos candidatos e sair de cima do muro.

Famosos (1)

Como sempre acontece em qualquer corrida eleitoral, os artistas ficam divididos entre esquerda e direita.

Nestas eleições presidenciais, Lula (PT) tem o apoio da maioria dos cantores de MPB e Pop, além de artistas. Já Bolsonaro (PL), é adorado pelos cantores sertanejos e por atletas.

Famosos (2)

Por exemplo, Bolsonaro tem o apoio de Thiago Gagliasso, Humberto Martins, Malvino Salvador, Sérgio Reis, Felipe Folgosi, Regina Duarte, Antônia Fontenelle, Andressa Urach, Leda Nagle e Andréa Sortevão.

E ainda: Roberto Justus, Zezé Di Camargo, Eduardo Costa, Gusttavo Lima, Latino, Bruno, Zé Neto, Nelson Piquet, Emerson Fittipaldi e Wallace, dentre outros.

Famosos (3)

Por sua vez, Lula conta com o apoio de Letícia Sabatella, Bruna Marquezine, Camila Pitanga, Marieta Severa, Bruno Gagliasso, Wagner Moura, Irandhir Santos, Paulo Betti, José de Abreu e João Vicente de Castro

E ainda: Marcelo Serrado, Kleber Mendonça Filho, Giovanna Ewbank, Juliette, Anitta, Gal Costa, Luisa Sonza, Chico Buarque, Gilberto Gil e Caetano Veloso, dentre outros.

Biometria (1)

Mais de 118 milhões de brasileiros poderão votar nas eleições deste ano por meio do cadastro biométrico – sistema que verifica eletronicamente as impressões digitais do eleitor e, em seguida, libera a urna para votação.

O número representa 75,52% do total de cidadãos aptos a votar nas eleições de outubro.

Biometria (2)

Segundo o TSE, a principal vantagem da biometria é a segurança na identificação do eleitor, impedindo que uma pessoa vote no lugar de outra.

O tribunal, no entanto, projeta que o cadastramento biométrico de 100% do eleitorado só deve ocorrer em 2026, uma vez que a coleta de digitais após as eleições de 2020 acabou suspensa em razão da pandemia de Covid-19.

Biometria (3)

Do total de 5.571 municípios do País, 4510 já estão aptos a identificar eleitores pelo sistema de digitais, 243 ainda não iniciaram a coleta dos dados e 998 começaram mas não concluíram o cadastramento dos eleitores.

Do total de 1.996.510 eleitores em Mato Grosso do Sul, 78% já estão aptos a votar pelo sistema de biometria.

Irregularidades (1)

O Tribunal Superior Eleitoral recebeu na quinta-feira (22) o resultado do cruzamento de informações entre as prestações de contas parciais apresentadas pelos candidatos das Eleições Gerais de 2022 e os dados de órgãos de fiscalização da Administração Pública, como o Tribunal de Contas da União (TCU), a Receita Federal, o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), o Ministério Público Eleitoral (MP Eleitoral) e a Polícia Federal.

Nesta primeira rodada de análises, foram detectados 59.072 casos de doações ou gastos potencialmente irregulares, que perfazem um total de mais de R$ 605 milhões de transferências questionáveis, que precisam ser apuradas com o levantamento de provas materiais e de informações mais aprofundadas.

Irregularidades (2)

No caso dos fornecedores de campanhas, são indícios de pagamentos irregulares quando o fornecedor é uma empresa com número reduzido de empregados ou tem pelo menos um dos sócios inscrito em programas sociais do governo, como o Auxílio Brasil.

Também chama a atenção dos órgãos fiscalizadores situações em que a empresa fornecedora foi constituída em 2022 e tem um dos sócios filiado a partido político, ou com algum parentesco com candidato ou vice.

Irregularidades (3)

Já doações eleitorais realizadas por pessoas beneficiárias de programas sociais do governo ou com renda incompatível com o valor doado foram igualmente identificadas pelo cruzamento de dados. Foram detectados, por exemplo, 190 casos de doadores desempregados e seis que constam como falecidos.

Ainda despertou o interesse dos analistas 10.296 situações em que um mesmo candidato recebeu numerosas contribuições feitas por diferentes empregados de uma mesma empresa.

Telefones úteis em Dourados

Quantas vezes a gente já precisou fazer uma ligação de emergência, mas não lembrou ou não sabia o número do telefone. Pensando nisso, a Gazeta MS publica alguns números que, se for preciso, serão facilmente encontrado.

Anota aí:

Polícia Militar: 190

Bombeiros: 193

Guarda Municipal: 199 e 153

Polícia Rodoviária Federal (PRF): 191

Polícia Rodoviária Estadual (PRE): 198

SAMU: 192        

Polícia Civil - SIG (67) 3411-8080

Aeroporto (67) 3411-7936

Utilidade Publica

O DOF mantém um canal aberto direto com o cidadão para tirar dúvidas, receber reclamações e denúncias anônimas, através do telefone 0800 647-6300. Não precisa se identificar e, a ligação, será mantida em absoluto sigilo. O serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.
Logo publicaremos outros números de emergência. 

[email protected] 



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE