Federação Sul Americana de Krav Maga fará aulão gratuito de defesa pessoal para mulheres em Campo Grande

Em apoio à campanha “Agosto Lilás”, criada pelo Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, o treinamento de defesa pessoal terá o objetivo de mostrar que é possível evitar agressões, sejam de pessoas maiores ou mais fortes que elas

| ASSESSORIA


A violência contra a mulher continua em pauta. É por isso que a Federação Sul Americana de Krav Maga (FSAKM), referência mundial em qualidade e a precursora do Krav Maga na América Latina, realizará, no próximo dia 27 de agosto, às 15h, em Campo Grande, um aulão de Defesa Pessoal totalmente gratuito e direcionado às mulheres, em apoio à campanha “Agosto Lilás”, criada pelo Governo do Estado do estado de Mato Grosso do Sul.  

O objetivo é mostrar para as mulheres que todas elas têm a chance de aprender a controlar o seu medo e a sua reação e saírem da posição de vítimas, por meio de uma técnica de defesa pessoal que foi criada em Israel na década de 40, para que qualquer pessoa, independentemente de sexto, tamanho, força física pudesse se defender de um ou mais agressores, armados ou não.  

“O Krav Maga não é um esporte e apesar de trazer uma série de benefícios ao corpo traz, oferece, por meio de treinamentos constantes e direcionados por profissionais habilitados, a capacidade física e mental para qualquer pessoa se defender e, até mesmo evitar a violência, explica instrutor Giulio Cesar, habilitado pela Federação Sul Americana de Krav Maga.  

Para que isso seja possível, o treinamento de Krav Maga simula situações próximas à realidade para que o praticante desenvolva, tanto as habilidades físicas exigidas pela técnica, quanto sua capacidade mental de controlar o medo e as reações. “A combinação do controle emocional com as técnicas simples e eficientes do Krav Maga, que buscam neutralizar o agressor, atingindo seus pontos sensíveis e vitais, como olhos, nariz, garganta, região genital etc, faz com que o praticante esteja apto para sair de qualquer situação de violência e, até mesmo, evitar possíveis ataques”, conta Giulio Cesar.  

 

Benefícios do Krav Maga para as mulheres 

Hoje, 30% dos alunos da Federação Sul Americana de Krav Maga são mulheres. Segundo explica o israelense Grão Mestre Kobi Lichtenstein (faixa-vermelha – 8º Dan), introdutor do Krav Maga na América Latina e presidente da Federação Sul Americana de Krav Maga, quando as mulheres começam a praticar a modalidade, mudam a sua relação com o medo, adquirindo autoconfiança, aumentando o autocontrole nas situações de estresse e de violência e se capacitando para cuidarem de si e da sua família.  

E os benefícios vão além. Mulheres costumam cuidar de muitas coisas ao mesmo tempo. Quando passam a praticar o Krav Maga, com um instrutor devidamente habilitado para isso, elas também se tornam mais focadas, menos distraídas e mais atentas, o que diminui o risco de ataques, pois a violência geralmente é voltada aos alvos mais fáceis.  

“Além das melhorias na saúde física e, até mesmo na boa forma, essas mulheres também obtêm ganhos psicológicos, porque o Krav Maga dá a elas a sensação de controle frente às suas emoções”, completa Grão Mestre Kobi. 

 

Mato Grosso do Sul tem mais de 50 vítimas de violência doméstica por dia  

De acordo com dados da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), de janeiro até agora, em 2022 já foram registrados 24 feminicídios em Mato Grosso do Sul, sendo seis deles em Campo Grande. Em relação ao número de violência doméstica, foram 11.067 nos sete primeiros meses do ano, o que representa, em média, cerca de 52 vítimas por dia. Só na Capital, foram 3.973. 

Com base nessas informações, no dia 1º de agosto, o Governo do Estado de Mato Grosso do Sul lançou a 6ª edição da Campanha Agosto Lilás, em evento que reuniu autoridades de todo Estado e líderes ativistas, com o objetivo de divulgar a Lei Maria da Penha e os serviços especializados da rede de atendimento à mulher. 

 

Serviço: Aulão gratuito de Krav Maga para Mulheres - em apoio à campanha “Agosto Lilás” 

Data: 27 de agosto 

Horário: 15h 

Endereço: Centro de Krav Maga do Mato Grosso do Sul (Rua Rui Barbosa, 4430, Campo Grande)  

Quem pode participar: mulheres acima de 14 anos 

Inscrições gratuitas e obrigatórias: por e-mail [email protected], pelo telefone (67) 3253-4905 ou Whatsapp: (67) 9.9221-7470 

 

 

Sobre a Federação Sul Americana de Krav Maga - referência mundial em qualidade, é a precursora do Krav Maga na América Latina. Conta com representação no Brasil, México, Argentina e Portugal, onde trabalha pela preservação da filosofia, didática e técnica do Krav Maga, tal como foi criado e ainda é aplicado em Israel.  

 

É presidida por Grão Mestre Kobi Lichtenstein (faixa-vermelha – 8º Dan), aluno direto do criador do Krav Maga, Imi Lichtenfeld e seu primeiro aluno a sair de Israel para difundir a modalidade. Vivendo no Brasil desde 1990, Grão Mestre Kobi forma e atualiza pessoalmente seus instrutores, garantindo a qualidade e a ética do Krav Maga praticado na Federação Sul Americana de Krav Maga.  

 



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE