Governo amplia número de vagas do concurso de escrivão e delegado da Polícia Civil do Mato Grosso do Sul

| PC/MS / KEILA FLORES


O governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja, ampliou o número de vagas do concurso de provas e títulos - SAD/ SEJUSP/APJ/PCMS/2017, para provimento do cargo efetivo de Agente de Polícia Judiciária, na função de Escrivão de Polícia Judiciária e também para o cargo de Delegado de Polícia, do quadro da Polícia Civil de Mato Grosso do Sul. A ampliação das vagas foi publicada por meio dos decretos 15.987 e 15.988, constantes na página 16, da edição extra do Diário Oficial do Estado, desta sexta-feira, 01/07.  

As vagas serão preenchidas por candidatos aprovados em todas as fases do certame, observada a ordem de classificação e o prazo de validade do Concurso Público. Ao todo foram ampliadas 30 vagas para o cargo de Escrivão e 18 para Delegados.   

Para o provimento dos cargos, o governador autorizou a realização da Fase VIII - Curso de Formação Policial, para os candidatos aprovados até a Fase VI. Caberá à Secretaria de Estado de Administração e Desburocratização (SAD), em conjunto com a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (SEJUSP) e com a Polícia Civil de Mato Grosso do Sul (PCMS), executar os procedimentos necessários à convocação dos candidatos para a matrícula do Curso de Formação Policial, mediante editais específicos, os quais estabelecerão o cronograma de realização das convocações, e as normas a serem observadas pelos candidatos.   

Vale ressaltar que as vagas destinadas a candidatos inscritos na condição de cotistas negros, indígenas ou pessoa com deficiência (PCD), que não forem providas por falta de aprovados, serão preenchidas pelos da ampla concorrência, observada a ordem de classificação.