Mais de 24 mil são abordados e 50 fazem testes nos três dias de blitze

| DIáRIO DIGITAL / DA REDAçãO


As blitze aconteceram nos terminais Guaicurus, Morenão, Moreninhas, General Osório, Nova Bahia, Hércules Maymone, Bandeirantes, Aero Rancho e Júlio de Castilho (Foto: Divulgação)

Mais de 24 mil pessoas foram abordadas e 50 delas, consideradas suspeitas de estarem contaminadas pelo novo coronavírus, realizaram exames de teste rápido durante as blitze que acontecem desde segunda-feira (1º) nos terminais de transbordo de Campo Grande. 

As blitze aconteceram nos terminais Guaicurus, Morenão, Moreninhas, General Osório, Nova Bahia, Hércules Maymone, Bandeirantes, Aero Rancho e Júlio de Castilho. Durante a abordagem educativa, os fiscais da vigilância sanitária e vigilância ambiental orientavam a população sobre a necessidade do uso de máscaras e questionavam aos passageiros se apresentavam sintomas da doença. 

Em todos os testes rápidos realizados nos terminais, os resultados obtidos foram negativos, descartando a possibilidade de que os sintomas apresentados fossem da Covid-19. 

As orientações também aconteceram nas ruas de Campo Grande, onde as equipes abordavam a população para fazer recomendações sobre os cuidados que devem ser tomados para evitar o contágio pelo novo coronavírus. 

Até o final da semana, novas ações deverão acontecer pela cidade, sendo que na manhã desta quinta-feira (04) as equipes estarão na esquina da Rua 14 de Julho com a Afonso Pena, e na sexta (05), será na Rua da Divisão, no Bairro Parati. 



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE