PRF apreende três veículos roubados ao montar barreira na BR-060; um deles disse que levaria ao Paraguai

Agentes realizaram análise e constataram adulterações nos sinais de identificação e também registro de roubo desde o início deste ano, no Rio de Janeiro e em Brasília.

| G1 / GRAZIELA REZENDE, G1 MS


Duas caminhonetes e um carro roubados, em Brasília e no Rio de Janeiro, foram apreendidos pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) durante fiscalização nessa sexta-feira (29) em Sidrolândia, a 74 km de Campo Grande.

Os agentes atuavam na operação Tamoio, deflagrada para combater a criminalidade neste período de pandemia, quando realizaram a primeira abordagem no km 415 da BR-060. Eles avistaram um caminhão, rebocando dois veículos, sendo um com placas aparentes de Mangaratiba (RJ) e o outro com placas aparentes de Curitiba (PR).

Foi feita uma análise e os policiais rodoviários constataram adulterações nos sinais de identificação e também registro de roubo desde maio de 2020 no Rio de Janeiro (RJ).

O motorista do guincho, de 41 anos, disse que foi à Campo Grande buscá-los a pedido da empresa em que trabalha e não sabia que eram roubados.

Já o terceiro carro, com placas aparentes de Brasília (DF), foi abordado no km 388 da BR-060. Ao realizar a entrevista com o motorista, de 34 anos, a equipe suspeitou que o veículo possuísse alguma irregularidade.

Após verificarem os sistemas, os agentes descobriram que as placas do carro eram falsas. As verdadeiras também são de Brasília, porém com registro de roubo desde janeiro deste ano. Questionado, o condutor confessou ter aceito o serviço para transportar o automóvel de Goiânia (GO) até Ponta Porã, na fronteira com o Paraguai.

Os envolvidos e os carros foram encaminhados para a Polícia Civil em Sidrolândia.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE