Agepen conclui formação de alunos das áreas de Administração e Finanças e de Assistência e Perícia aprovados em concurso

| GOVMS / KEILA TEREZINHA RODRIGUES OLIVEIRA


A Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen) formou os alunos das áreas de Administração e Finanças e de Assistência e Perícia do 38º Curso de Formação para Agente Penitenciário. Coordenada pela Escola Penitenciária (Espen), a capacitação teve carga horária total de 420 horas/aula e representou a última fase do concurso.

Ao todo, foram 10 concluintes, sendo nove de Administração e Finanças e um de Assistência e Perícia. Agora, eles se somam aos outros 44 concluintes da área de Segurança e Custódia, totalizando 54 novos futuros servidores penitenciários em Mato Grosso do Sul.

Viviane Martins garante estar “vivendo um sonho'. Aprovada em concurso para Administração e Finanças, ela foi a primeira colocada da área no curso de formação e também conduziu os companheiros no juramento solene, durante a cerimônia de encerramento, prometendo trabalhar 'a serviço da justiça e da paz social, respeitar os direitos fundamentais e estar sempre pautada na conduta ética'.

Emocionada, a futura servidora da Agepen revelou que tem muita expectativa sobre a nova profissão. “É uma área que ainda existe muito preconceito, que quem está de fora, muitas vezes, não entende, mas quando você entra e vê todo o trabalho de reintegração social e de segurança, você percebe a importância que é este trabalho para toda a sociedade', ressaltou. “Desejamos fazer parte desta grande família que é a Agepen e somar muito para a carreira, para continuarmos crescendo e evoluindo com o sistema prisional', complementou.

Única representante da área de Assistência e Perícia neste curso de formação, Girlanda Batista dos Santos, revelou que tinha muita curiosidade sobre o funcionamento do sistema penitenciário, e pôde entender a complexidade e responsabilidade que é trabalhar na instituição. 'Mas, no meu processo de formação, fui muito bem recebida e orientada, pois sempre tive alguém com experiência e disposto a me ajudar e me ensinar. Espero que no futuro seja eu auxiliando os novos servidores', agradeceu

Segundo o diretor da Espen, Vilson Guedes, para a realização da formação foi preciso muito trabalho e planejamento por parte da equipe da escola, além da distribuição de atividades envolvendo vários setores da agência penitenciária. Com esses concluintes 54 concluintes do 38º curso, a Escola Penitenciária realizou a formação de, aproximadamente, 940 servidores penitenciários, apenas referente ao último concurso público realizado em 2016.

Falando em nome da direção da Agepen na solenidade de encerramento, o diretor de Administração e Finanças, Rodrigo Rossi Maochini, ressaltou que os novos servidores terão pela frente a missão de contribuir para o trabalho da instituição que hoje está presente em 20 municípios e custodia uma população carcerária de mais de 20 mil pessoas, e que, cada vez mais, vem assumindo novas atribuições dentro da justiça e segurança pública de Mato Grosso do Sul. “Esperamos que vocês entrem com vontade, pois o que mais precisamos é esta soma', disse aos concluintes.

Com a solenidade de formatura, agora eles aguardam a classificação final, que será divulgada pela Secretaria de Estado de Administração e Desburocratização (SAD) para serem nomeados ao exercício das funções.

Também participaram da solenidade de encerramento o diretor de Operações da Agepen, Acir Rodrigues, e a diretora de Assistência Penitenciária, Elaine Arima Xavier Castro, entre outros representantes da Agepen.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE