Após denúncia de som alto, PM prende homem por tráfico de drogas

| PMMS / JULIO C T ARGUELHO


Na noite desse sábado (06) uma equipe da Radiopatrulha, do 3° Batalhão de Polícia Militar, deslocou até o Jardim Santo André para atender uma ocorrência de perturbação do sossego, que posteriormente 'evoluiu' para tráfico de drogas.

A solicitação foi realizada pelo CIOPS, após uma denuncia  feita via 190, onde foi relatado que em uma residência  havia algumas pessoas perturbando o sossego de vizinhos com algazarra e som em alto volume.

Ao chegar ao local os policiais militares verbalizaram com um possível proprietário da residência, porém ao perceberem a presença policial, o som foi desligado e vários indivíduos fugiram pelos fundos do local.

A equipe então adentrou a residência, e verificou que as portas estavam abertas e aparentemente não havia mais ninguém no local. Momento em que foi recebido pelo morador da residência um jovem de 18 anos.

No momento em que a equipe realizava a abordagem ao suspeito, os policiais visualizaram um aparelho de som e dois potes de vidro que continha em seu interior porções de substância análoga a maconha, que posteriormente foi pesada totalizando 277 gramas do entorpecente.

Ao ser questionado sobre os fatos, o suspeito relatou que era amigo do dono da casa e participava da festa como convidado e que não sabia da existência da droga. Ao ser perguntado se havia mais alguém na residência o jovem informou que sua esposa com sua filha recém nascida estava em um dos quartos.

Os policiais questionaram a jovem sobre a droga, ela desmentiu a versão do marido e afirmou que sabia da existência do entorpecente  e que seu marido seria o proprietário da substância.

A jovem relatou ainda que seu marido adquire a droga e revende em porções menores para amigos e indicados de amigos, que frequentemente vão até a residência para comprar o entorpecente.

O autor foi detido e juntamente com a aparelhagem de som e a droga apreendida, foi encaminhado até o plantão de Polícia Judiciária onde foi autuado por perturbação do trabalho ou sossego alheio e também por tráfico de drogas.

Leia também:

Polícia Militar realiza operação saturação em Dourados.