Marçal e Reinaldo lançam licitação de duplicação da Coronel Ponciano

| ASSESSORIA


A revitalização da Coronel Ponciano é uma reivindicação do deputado Marçal Filho ao governador Reinaldo. Foto: Divulgação

O deputado estadual Marçal Filho (PSDB), o governador Reinaldo Azambuja e o secretário de estado de infraestrutura, Eduardo Riedel, assinam nesta segunda-feira (8), a autorização para licitação de obras da nova Coronel Ponciano, em Dourados.

O governador cumpre agenda na cidade o dia todo e em solenidade às 10h30 no Pavilhão de eventos Dom Teodardo Leite, haverá a ordem de licitação da Coronel Ponciano e a assinatura para início de obras de pavimentação asfáltica da MS-162 e de ampliação da estação de tratamento de esgoto Laranja Doce.

A revitalização da Coronel Ponciano é uma reivindicação do deputado Marçal Filho, que promoveu audiência pública para ouvir a população e empresários do entorno da avenida. Outra obra que será anunciada pelo governador é o viaduto sobre a BR-163, de acesso a região do jardim Guaicurus. A construção, no entanto, é de responsabilidade do governo federal e da empresa CCR MSVias, responsável pela concessão da rodovia.

“São obras muito reivindicadas pela população e que agora sairá do papel. Precisávamos da união de esforços da Prefeitura, do Governo do Estado e do Governo Federal para darmos este importante passo e garantir para Dourados obras que deixarão a cidade em um novo patamar”, diz o deputado Marçal Filho, principal mobilizador em garantir recursos para a execução dos trabalhos.

A revitalização da Coronel Ponciano será feita com recursos do Governo do Estado. Trata-se de uma obra arrojada e a previsão é a de que os trabalhos iniciem nas próximas semanas, assim que for finalizada a licitação.

Pela via circulam mais de 20 mil veículos por dia, deixando o trânsito perigoso e congestionado, principalmente em horários de pico. A disputa entre pedestres, ciclistas, motociclistas e carros de pequeno e grande porte faz os usuários da Coronel Ponciano estarem sempre em estado de alerta. Já houve o registro de mortes no local.

A duplicação da via será da BR-163 até a rua Palmeiras, imediações do cemitério Municipal, trecho de aproximadamente 2,7 km. Da rua Palmeiras até a avenida Marcelino Pires, percurso de 1,5km, será feita revitalização, pois não há espaço para duas pistas.

 



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE