Neno Razuk solicita a SES estudos para implantaçãode mutirão de vacinação contra COVID-19

| ASSESSORIA


Foto: Wagner Guimarães

O deputado Neno Razuk (PTB) solicitou ao Governo do Estado e a SES (Secretaria de Estado de Saúde) estudos técnicos nas escolas estaduais do de Mato Grosso do Sul para que seja implantado o mutirão de vacinação contra a COVID-19 nas unidades escolares. A proposição visa intensificar a a aplicação do imunizante em adolescentes e priorizar o atendimento dos que ainda não receberam nenhuma dose das vacinas.

A solicitação destaca o início do calendário nacional de vacinação contra Covid-19, que começou a vacinar adolescentes de 12 a 17 anos, no último dia 15 deste mês em todo Brasil. Pensando em otimizar a ação, o parlamentar pede ao secretário de saúde Geraldo Resende (PSDB) que viabilize um estudo técnico de excelência na REE, afim de acelerar a imunização dos estudantes com doses da Pfizer - única vacina autorizada pela Anvisa para ser aplicada em pessoas nesta faixa etária.

“O Mato Grosso do Sul é referência em vacinação no Brasil e fazer uma ação intensificando o acesso às vacinas dentro das escolas irá acelerar esse processo. Lembrando que aulas na Rede Estadual de Ensino já estão 100% presenciais, penso que será uma boa oportunidade de vacinar aqueles adolescentes que ainda não conseguiram ter acesso ao imunizante por algum motivo. A ação também incentiva outras pessoas do convívio familiar a se vacinarem, a estarem protegidos contra o agravamento da doença”, destacou Neno.

Para o parlamentar a “saúde pública é necessária e tem que ser oportunizada de diferentes formas. Já estamos com números animadores, mas podemos diminuir cada vez mais internações e óbitos pela doença”, disse Neno sobre a proposição de mutirão dentro das escolas.

Isenção do ICMS sobre veículos de PcD

Por outro lado, o deputado Neno Razuk solicitou ao Governo do Estado a unificação do teto de isenção do ICMS sobre os veículos adquiridos pelo modo PcD (Pessoas com Deficiência), buscando igualar aos valores de isenção do IPI (Imposto Sobre Produtos Industrializados). A proposição também foi destinada ao secretário do Estado de fazenda, Felipe Mattos de Lima Ribeiro.

Conforme Neno, o propósito da indicação é solicitar ao poder executivo a viabilização de estudos técnicos e que seja feita uma analise buscando a unificação do Teto de isenção do ICMS de veículos adquiridos pelo modo PcD (pessoa com deficiência), igualando ao teto de obtenção da isenção do IPI (Imposto Sobre Produtos Industrializados).

A proposição se justifica na Lei n. 12.183/21, que decretou o aumento do teto de preço de carros PCD de R$ 70 mil para R$ 140 mil para obtenção da isenção do IPI.

“O Governo do Estado tem se mostrado parceiro da população e segue cumprindo ações, então protocolei essa indicação solicitando esse estudo técnico para poder viabilizar a compra de veículo para pessoas com deficiência, unificando os valores do teto de isenção do ICMS com do IPI, afim de facilitar todos os trâmites. A minha proposta pede que em meio a esse momento de recuperação econômica e onde muitas famílias de pessoas com deficiência tem realmente a dificuldade de locomoção para ir ao médico e outras funções”, frisou o deputado sobre o a indicação.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE