Saneamento é a ‘cereja do bolo’ dos mercados de capitais

Walter Carneiro Júnior pontuou uma série de investimentos que o governador Reinaldo Azambuja planejou em parceria com a Sanesul, por meio de recursos próprios, e as prefeituras que inclui um extenso cronograma de entrega de obras na área de infraestrutura de saneamento

| ASSESSORIA


Walter Carneiro Júnior em entrevista por videoconferencia ao Giro de Notícias. Foto: Divulgação

O diretor-presidente da Sanesul (Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul), Walter Carneiro Júnior, afirmou nessa quarta-feira (22) que o saneamento hoje é a ‘cereja do bolo’ dos mercados de capitais.

Walter Carneiro Júnior concedeu entrevista por mensagem de vídeo ao Giro de Notícias, do Grupo Feitosa de Comunicação, quando falou das obras que estão sendo entregues e dos investimentos do governo do Estado e com recursos próprios da empresa na área de fornecimento de água e esgotamento sanitário.

“O saneamento hoje é a cereja do bolo dos mercados de capitais. Está todo mundo de olho no saneamento, porque a lei mudou, o governo federal não tem política de investimento para o saneamento, ele já deixou muito clara a regra, ele quer o dinheiro privado pra fazer com que o saneamento avance no Brasil e a nossa companhia vem se reinventando”, avaliou o dirigente.

Questionado na entrevista sobre a relação institucional com os municípios, Walter Carneiro Júnior exaltou a importante parceria com prefeitos que, segundo ele, têm avalizado as ações da concessionária no sentido de levar melhorias na qualidade de vida da população de Mato Grosso do Sul.

“É muito bom à gente ter uma relação de confiança, até porque nós somos uma concessionária que opera serviços delegados pelos municípios. A nossa construção de parceria é permanente e onde a gente consegue estar bem ajustado, quem ganha é o cidadão, porque a qualidade dos serviços que nós prestamos ela é cada vez mais refinada”, colocou.

Walter Carneiro Júnior pontuou uma série de investimentos que o governador Reinaldo Azambuja planejou em parceria com a Sanesul, por meio de recursos próprios, e as prefeituras que inclui um extenso cronograma de entrega de obras na área de infraestrutura de saneamento.

A diretoria da companhia tem viajado toda semana ao interior do Estado para participar de inaugurações como parte do programa Rota do Saneamento, que prevê entrega de obras que incluem fornecimento de água tratada, já universalizado, e esgotamento sanitário.

Segundo ele, a meta agora estabelecida pelo governador Reinaldo Azambuja é a universalização do esgotamento sanitário.

Walter Carneiro Júnior destacou ainda a PPP (Parceria Público Privada) com a empresa Ambiental MS Pantanal que ficou incumbida de finalizar o esgotamento sanitário nos 68 municípios onde a empresa opera.

“Nós trouxemos para o nosso negócio um parceiro privado para fazer investimento de R$ 3.8 bilhões e para fazer a operação do nosso sistema por 30 anos”.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE