Com nova atualização, 30 municípios apresentam grau tolerável de risco em MS, segundo o Prosseguir

| ANA BRITO / COMITê GESTOR PROSSEGUIR


Eduardo Riedel, secretário de Infraestrutura - Foto: Foto: Saul Schramm

O Comitê Gestor do Prosseguir (Programa de Saúde e Segurança na Economia) divulgou nesta quarta-feira (08) o novo bandeiramento dos 79 municípios de Mato Grosso do Sul. Os dados completos estão disponíveis no site www.coronavírus.ms.gov.br. Nesta sexta-feira (10), às 14h30, o  presidente do Prosseguir, o secretário de Infraestrutura, Eduardo Riedel, falará sobre as novas bandeiras e sobre o microcrédito na coletiva de imprensa, formato híbrido, que será divulgada nas redes sociais oficiais do Governo do Estado. 

"O novo mapa mostra que mais municípios estão, atualmente, na bandeira amarela, ou seja, de grau tolerável, o que representa um avanço, mas que apesar do otimismo mostra que devemos continuar em alerta com as regras de biossegurança", informou o presidente do Prosseguir, o secretário de Infraestrutura, Eduardo Riedel, salientando para que os estabelecimentos comerciais fiquem atentos em relação ao limite de capacidade.

No novo bandeiramento do Prosseguir 16 municípios foram classificados na bandeira vermelha, 33 na laranja, e 30 na amarela e nenhuma cidade na bandeira verde e nem bandeira cinza (grau extremo). As novas definições do programa levam em conta a análise de indicadores da semana epidemiológica 33, referente ao período de 09 e 22 de setembro. Comparando com a semana anterior, 34 municípios permanecem na bandeira, 30 progrediram e 15 regrediram.

Elencada como grau tolerável, a bandeira amarela, que propõe o funcionamento de atividades essenciais e não essenciais de baixo, médio e alto risco, estão Anaurilândia, Antônio João, Aparecida do Taboado, Aral Moreira, Batayporã, Bodoquena, Brasilândia, Caarapó, Caracol, Corguinho, Corumbá, Eldorado, Figueirão, Glória de Dourados, Iguatemi, Inocência, Itaquiraí, Japorã, Jaraguari, Jateí, Novo Horizonte do Sul, Pedro Gomes, Porto Murtinho, Rio Brilhante, Rio Verde de MT, Selvíria, Sete Quedas, Sidrolândia, Tacuru e Taquarussu.

Pela classificação laranja do Prosseguir, que recomenda atividades essenciais e não essenciais de baixo e médio risco, estão: Água Clara, Alcinopólis, Amambai, Aquidauana, Bandeirantes, Bataguassu, Bela Vista, Camapuã, Cassilândia, Coxim, Deodápolis, Dois Irmãos do Buriti, Douradina, Guia Lopes da Laguna, Itaporã, Ivinhema, Jardim, Juti, Laguna Carapã, Miranda,  Mundo Novo, Nova Alvorada do Sul,  Nova Andradina, Paraíso das Águas, Paranaíba, Paranhos, Ribas do Rio Pardo, Rio Negro, Rochedo, Santa Rita do Pardo, Sonora e Vicentina.

No grau alto, categorizado pelo mapeamento vermelho e que recomenda apenas atividades essenciais e não essenciais de baixo risco, estão: Anastácio, Angélica, Bonito, Campo Grande,  Chapadão do Sul, Coronel Sapucaia, Costa Rica, Dourados, Fátima do Sul, Ladário, Maracaju, Naviraí, Ponta Porã, São Gabriel do Oeste, Terenos e Três Lagoas.

Sobre o Prosseguir

O Programa de Saúde e Segurança na Economia (PROSSEGUIR) foi criado com objetivo de estruturar um método baseado em dados, informações e indicadores capazes de nortear os diversos agentes da sociedade, principalmente os entes públicos, a tomarem suas decisões e tornarem suas ações mais eficientes no combate à propagação e aos impactos da Covid-19 em nosso Estado.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE