DOF outorga Medalha Águia da Fronteira a personalidades que contribuíram com o Departamento

| PONTA PORã NEWS / POR REDAçãO


Este ano o Departamento de Operações de Fronteira (DOF) completa 34 anos de existência. O aniversário da força de segurança pública que mais apreende drogas em Mato Grosso do Sul, será celebrado na terça-feira (31), em Dourados, com a solenidade de outorga da Medalha Águia da Fronteira.

A honraria é outorgada a autoridades civis e militares, como reconhecimento aos relevantes serviços prestados ao DOF, bem como para os policiais que se destacaram em suas funções, contribuindo decisivamente para o aperfeiçoamento e projeção do Departamento.

Entre os 61 homenageados deste ano estão o presidente da República, Jair Bolsonaro, o secretário Nacional de Segurança Pública, Carlos Renato Paim, o secretário de Segurança do Mato Grosso, Alexandre Bustamante, o superintendente da Polícia Rodoviária Federal no Mato Grosso do Sul, Luiz Alexandre Gomes da Silva e o Delegado-Geral da Polícia Civil, Adriano Garcia Geraldo.

A solenidade de outorga da Medalha Águia da Fronteira será realizada segunda-feira, às 16 horas, no Sindicato Rural de Dourados e contará com as presenças do governador Reinaldo Azambuja e do secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, Antonio Carlos Videira.

Motivos para celebrar

Desde que foi criado, em 28 de maio de 1987, à época como Grupo de Operações de Fronteira, o DOF já tirou de circulação em Mato Grosso do Sul 1.050 toneladas de drogas e recuperou 2.022 veículos que foram furtados ou roubados em diversos estados brasileiros.

Este ano os homens do DOF já apreenderam na região de fronteira 154,3 toneladas de drogas, 7,8 toneladas de agrotóxicos e prendeu 387 pessoas, a maioria por envolvimento com o tráfico de drogas.

Conforme o diretor do DOF, coronel Wagner Ferreira da Silva, o Departamento tem traduzido em seus números o trabalho que presta à segurança pública e paz social de todo o Brasil. “Isso só é possível graças ao empenho e comprometimento de cada policial com colaboração de diversos atores, por isso a outorga da Medalha Águia da Fronteira é além do reconhecimento aos esforço dessas pessoas um congraçamento do cidadão bem frente as vitórias do dia-a-dia no enfrentamento ao crime na Fronteira', destaca.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE