Antes de atropelar menino no Estrela Porã, homem teria ameaçado matar ex-mulher

| DOURADOS AGORA


Foto CIDO COSTA

De acordo com testemunhas, a ex-mulher do motorista de 23 anos acusado de atropelar e matar o garoto Otávio Camargo Cano de Andrade, de 13 anos, teria sofrido ameaças de morte do homem que estava bastante alterado no domingo (26), chegando a dizer mataria ela e os próprios filhos e depois cometeria suícidio. Ele ainda está foragido, após abandonar o veículo no local do acidente e fugir sem prestar socorro à vítima.

Segundo testemunhas, o adolescente estava soltando pipa em frente à casa do acusado, na Rua Pedro Gomes de Souza, quando foi atropelado pelo motorista da Crevrolet Montana. A polícia encontrou uma garrafa de cerveja no veículo, o que pode indicar que ele estaria dirigindo embriagado. A Polícia também recebeu informações de que o acusado é usuário de drogas e teria passado o dia consumindo entorpecentes.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE