Safrinha deve ter perda de 30% por conta da extensa estiagem

| REDAçãO


Agronomo Angelo Ximenes. Foto: Arquivo

O presidente do Sindicato Rural de Dourados, Ângelo Ximenes, em entrevista exclusiva ao Gazeta MS, previu que a longa estiagem deverá causar uma perda em torno de 30% da safra do milho safrinha.Ele contou que esperavase uma colheita por volta de 100 sacas por hectare, mas esse número deve ficar em torno de 56 sacas. Ele também fala sobre a manifestação dos produtores em Brasília. Ouça a entrevista.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE