“Eleição na Vila Cachoeirinha foi lição de democracia”, diz Cemar

| CâMARA DOURADOS / ASSESSORIA


Vereador Cemar Arnal com J. Farias e Márcio Dedé, no dia da eleição Foto: Assessoria

“A eleição do novo presidente da Associação de Moradores da Vila Cachoeirinha, Canaã VI e União Douradense foi uma lição de democracia que pudemos assistir nesse domingo”. A opinião é do vereador e vice-presidente da Câmara, Cemar Arnal (Solidariedade), que acompanhou de perto a escolha dos novos diretores da associação comunitária no fim de semana.

Ele destacou a organização e o respeito que imperaram durante todo o período reservado para a votação (das 9h00 às 15h00), quando “não se viu qualquer atitude, quer seja de concorrentes, quer seja de eleitores que desabonasse o processo”.

“Essa é uma lição que precisa ser aprendida e guardada para todos os momentos que houver escolha das pessoas que vão liderar e cuidar, quer seja de bairros, regiões, municípios, cidades ou estado, para que tenhamos depois a consciência que a vontade da maioria foi respeitada e cumprida”, apontou o vereador, que aproveitou para parabenizar a UDAM (União Douradense das Associações de Moradores) pela organização do pleito e aos vencedores, da Chapa 2.

“Parabéns a todos e podem ter a certeza que terão nesse vereador um parceiro na busca de melhor qualidade de vida para toda a comunidade”, finalizou Cemar.

Três chapas disputaram a eleição. A Chapa 1 obteve 170 votos; a Chapa 2, a vencedora, recebeu 205 votos; enquanto que a Chapa 3 obteve 125votos.Houve ainda um voto nulo.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE