Mato Grosso do Sul fecha janeiro com a abertura de 3,4 mil empregos

| MIRELI OBANDO, SUBCOM COM INFORMAçõES FUNTRAB


Foto: Divulgação

Mato Grosso do Sul fechou janeiro com saldo positivo na geração de empregos. No primeiro mês de 2021 foram criados 3.483 postos de trabalho, resultado de 19.455 admissões e 15.972 desligamentos conforme dados do Novo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

O saldo foi positivo para todos os setores com destaque para o de serviços (+1.504 postos de trabalho), seguido pelo comércio (+793), indústria (+485), construção (+452) e agropecuária (+249).

No panorama regional, 60 municípios mais contrataram do que demitiram. Se destacam neste cenário Campo Grande (+1.196), Dourados (+493), Três Lagoas (+447), Chapadão do Sul (+294), Aparecida do Taboado (-129), e Coxim (+109).

Por outro lado, 19 municípios sul-mato-grossenses mais desligaram do que admitiram fechando janeiro de 2021 com saldo negativo. Entre eles estão Caarapó (-127), Fátima do Sul (-121) e Bataguassu (-103).

Saldo de 2020

Mato Grosso do Sul fechou o ano passado com saldo positivo na geração de empregos e fechou 2020 como o 9° estado que mais contratou apesar da pandemia da Covid-19. O acumulado para o ano foi de 14.173 novas vagas de emprego formal, conforme o Novo Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), do Ministério da Economia.

 



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE