Pesquisa inédita do OBSERVATÓRIO FEBRABAN revela o sentimento do brasileiro após um ano de pandemia, com recorte da região Centro-Oeste

Dados serão apresentados durante live nesta terça-feira (16.03) com a participação do médico e também do cientista político Antonio Lavareda

| ASSESSORIA


Como o brasileiro da região centro-oeste está vendo a situação atual da pandemia? Está melhorando ou não? Quando a população avalia que a situação deverá voltar à normalidade? As pessoas acreditam na vacina ou ainda desconfiam de seus efeitos? Quais hábitos adquiridos nesses meses de isolamento vieram para ficar? Como avaliam o trabalho de governos estaduais e prefeituras na fiscalização e controle de aglomerações? Qual o grau de mudança na vida das pessoas em termos de finanças e saúde mental?

Para responder a essas e a outras questões, a Federação Brasileira de Bancos (FEBRABAN) irá divulgar nesta terça-feira, dia 16 de março, às 09 horas, a sexta edição do Observatório Febraban, pesquisa FEBRABAN-IPESPE, Covid e Vacinação.

Para analisar os dados, o médico, cientista e escritor DRAUZIO VARELLA e o cientista político e sociólogo ANTONIO LAVAREDA, presidente do Conselho Científico do IPESPE participarão de um debate ao vivo, às 11 horas, nos canais da FEBRABAN.

Como mediadores estarão o diretor de Comunicação da Febraban, João Borges, e os diretores-adjuntos Mona Dorf e Gustavo Paul.

Feita entre os dias 01 e 07 de março, com 3 mil internautas em todas as regiões do país, o levantamento estará à disposição no site (www.febraban.org.br).



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE