Em curva ascendente, MS registrou mais de um óbito por hora no último dia

| DOURADOSNEWS / JESSICA BEATRIZ


Há 821 pessoas internadas em MS - Crédito: Saul Schramm/Portal MS

Na manhã desta sexta-feira (12), a Secretaria de Estado de Saúde (SES) informou que Mato Grosso do Sul está em uma curva ascendente em confirmações de óbitos por coronavírus. Neste último dia, foram confirmadas mais 26 mortes pela doença, totalizando 3.563.

As vítimas mais recentes, com idades entre 24 e 93 anos, são de Campo Grande (10), Sidrolândia (3), Dourados (2) e Ponta Porã (2). Somaram mais um óbito cada, Aquidauana, Aral Moreira, Corumbá, Deodápolis, Naviraí, Paranaíba, Pedro Gomes, Ribas do Rio Pardo e Três Lagoas.

Em 21 de fevereiro, MS apresentava 10,9 em média móvel de óbitos, a mais baixa dos últimos vinte dias, e atualmente figura com 21,1. Dos pacientes que não resistiram, 1.950 são do sexo masculino, o que corresponde a 54,7%. A Covid-19 também vitimou 1.613 mulheres (45,3%).

Foram confirmados 1.104 novos casos, chegando a 192.430 infectados, desses, 177.886 são considerados recuperados e 10.160 estão em isolamento domiciliar. Outros 821 pacientes estão hospitalizados, 452 em leitos de enfermaria e 369 em UTI (Unidade de Terapia Intensiva).

A macrorregião de Dourados apresenta 95% em taxa de ocupação de leitos UTI/SUS, seguida por Três Lagoas (86%) e Corumbá (71%). Segundo a SES, a Central de Regulação de Campo Grande não encaminhou a ocupação de leitos ‘Não Covid-19’, por isso não há o percentual de ocupação global.

Desde o início da pandemia, o Estado registrou 620.149 notificações, 419.381 foram descartadas e 1.804 amostras estão em análise no Lacen (Laboratório Central de Mato Grosso do Sul). Outros 6.534 casos permanecem sem encerramento pelos municípios.  



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE