Mauricio pede lei mais rígida para maus-tratos de animais

| ASSESSORIA/CMD


Vereador Mauricio Lemes solicita alteração na Lei que trata sobre proteção animal . Foto: Valdenir Rodrigues

O vereador Maurício Lemes (PSB) encaminhou indicação ao prefeito Alan Guedes (PP), com cópias ao secretário municipal de Governo, Henrique Sartori e ao procurador do município, Paulo César, solicitando a alteração na Lei nº 3.180, de 03 de Dezembro de 2008, que dispõe sobre a posse responsável do bem estar animal, controle de natalidade e a proteção de população animais no município de Dourados.

Na prática, ele sugere ao Executivo a adequação na referida lei, aumentando os valores das multas atualmente aplicadas em casos de maus-tratos de animais no munícipio, como forma inclusive de inibir a reincidência do autor da infração.

Para o vereador Mauricio, o valor da multa aplicada atualmente, que pode variar entre R$ 13,96 à R$ 419,10 é considerado baixo e, assim, muitas vezes o autor dos maus-tratos se vê impune, sentindo-se ‘credenciado’ a voltar praticar o ato. “Hoje uma pessoa que tem um animal de estimação recolhido por maus-tratos, tem três dias para pagar a multa e levar seu animal de volta para casa e consequentemente podendo até cometer o mesmo crime”, considera Mauricio.

O pedido tem como justificativa a Lei Federal nº 1095/2019, conhecida como “Lei Sanção”, que aumenta as penas cominadas ao crime de maus-tratos aos animais quando se tratar de cão ou gato.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE