Leia Coluna do Jonas Alves desta quarta-feira, 28

| ASSESSORIA


Jonas Alves da Silva (Silva Junior) - Divulgação

Quarta-feira, 28 de Outubro - Dia do Servidor Público. Dia de São Judas Tadeu. Dia do Flamenguista.
Contagem regressiva: Faltam 18 Dias para 15 de Novembro
Pensamento: Quando alguém tentar te diminuir, alegre-se: é sinal que você cresceu.". – Mateus Gnuztman

Musica: Eyes without face - Billy Idol

Niver: Fernando Hoston Sgamate, Amantino Espindola Santiago, Noberto Cantero, Augusto Marques, Eunice Arruda, Eletroinfo-ms Ddos, Eudes Fla Oliveira.

Geração de mídias

Nesta quarta-feira (28), o Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul (TRE-MS) dará início ao procedimento de geração das mídias que irão carregar as urnas para as Eleições do dia 15 de novembro.

O procedimento tem por finalidade gerar os dados oficiais que serão inseridos nas urnas eletrônicas de todo o Estado, como o sistema de votação, nome, número e foto dos candidatos, além dos dados dos eleitores de cada seção.

Copa Brasil Futsal

O Apaef de Dourados entra em quadra hoje para enfrentar a equipe de Brasília Futsal pela Copa Brasil, no Ginásio Marcelo "Carbonario Faleiros" de Esportes de Itaporã. Esse duelo será as 19h (MS) e terá cobertura da equipe esportiva da MS Web Rádio. 

 

Depósito de Urnas

Os trabalhos começam a partir das 16h, no Depósito de Urnas, e serão presididos pelo Dr. José Henrique Neiva de Carvalho e Silva, juiz presidente da Comissão de Geração de Mídias do TRE-MS.

Para o ato, foram convocados também representantes do Ministério Público, Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/MS), fiscais de partidos políticos e coligações.

Mais esportes

Futsal, decisão da liga masculina de vôlei e reinauguração do Guanandizão agitam o esporte do MS
Mato Grosso do Sul vive uma das semanas mais agitadas quando se fala em esportes. Nela acontecem o jogo da Apaefs contra o Brasília Futsal, pela Copa Brasil; a decisão da Liga Masculina de Voleibol e a reinauguração do Guanandizão. Em ambos, o governo do estado marca presença via Fundesporte. Para o professor Marcelo Ferreira Miranda, MS ganha espaço cada vez mais de destaque no podio esportivo brasileiro, independente da modalidade.  

19 mil mídias

Serão preparadas aproximadamente 19 mil mídias para as seções eleitorais, entre memórias de resultado de votação, memória de resultado especial, flashes de carga, flashes de votação, entre outras. A previsão é que os trabalhos sigam até o dia 31 de outubro.

Drones nas eleições

Na manhã de terça-feira (27), o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, recebeu o ministro da Justiça, André Mendonça, e o diretor-geral da Polícia Federal, Rolando Alexandre, que apresentaram detalhes da Operação Eleições Limpas 2020.

Uma das frentes de atuação será com o uso de  drones de última geração em mais de 100 localidades para monitorar eventuais irregularidades durante o primeiro e o segundo turno, marcados respectivamente para os dias 15 e 29 de novembro.

Aparelhos sofisticados

De acordo com o diretor-geral da PF, são aparelhos altamente sofisticados, com capacidade de zoom de 180 vezes e poder de alcance a uma distância de seis quilômetros com imagem em alta resolução.

As equipes de policiais ficarão nas zonas eleitorais consideradas mais problemáticas para inibir boca de urna, compra de votos, transporte irregular de eleitores, entre outros crimes eleitorais.

Doações a candidatos

O TSE identificou cerca de R$ 25 milhões pagos a fornecedores ou doados a candidatos às eleições municipais deste ano com alguns indícios de irregularidade.

São quase sete mil indicativos de problemas, tanto no pagamento a prestadores de serviços quanto no recebimento de doações.

Parceria

O levantamento faz parte de uma parceria do Núcleo de Inteligência da Justiça Eleitoral, que envolve, além do TSE, outros seis órgãos federais – Receita Federal, Coaf, Ministério Público Eleitoral, Defensoria Pública Federal, Tribunal de Contas da União e Ministério da Cidadania.

Essa foi a primeira rodada de identificação de indícios de irregularidades encontrados pela Secretaria de Tecnologia da Informação do TSE e que demonstra a atuação da Justiça Eleitoral na fiscalização do financiamento durante o curso da campanha.

Prestação de contas

O levantamento foi feito logo após a entrega das prestações de contas parciais, que terminou no último domingo (25), e vai permitir que a Justiça Eleitoral utilize os indícios de irregularidades como informação de inteligência para o exame e julgamento das prestações de contas.

Dessa forma, a partir dos indícios de irregularidades, os juízes eleitorais podem determinar diligências para comprovar a procedência do indício e utilizar essas informações para fins de exame e julgamento da prestação de contas de campanha eleitoral.

Lavagem de dinheiro

A Câmara dos Deputados analisa mais de 200 propostas sobre lavagem de dinheiro. O País tem uma legislação de 1998 que foi revista em 2012 (Lei 12.683/12), e uma nova reforma está a caminho a partir de uma comissão de juristas formada pela Casa. 29 de outubro é o Dia Nacional de Prevenção à Lavagem de Dinheiro.

De acordo com dados divulgados pela Organização das Nações Unidas (ONU), o valor estimado de dinheiro lavado anualmente no mundo está entre 2% e 5% do PIB mundial, ou seja, algo entre US$ 800 bilhões e US$ 2 trilhões.

Partidos políticos

A deputada Adriana Ventura (Novo-SP) elaborou com o deputado Paulo Ganime (Novo-RJ) projeto (PL 4486/20) que inclui os partidos políticos na lista de entidades sujeitas ao controle de lavagem de dinheiro:

“A Operação Lava Jato escancarou relações entre empresas e partidos. Não faz nenhum sentido deixar as agremiações políticas fora das obrigações da lei de prevenção à lavagem de dinheiro”, afirmou Adriana. “Várias entidades estão lá: imobiliárias, quem vende joias, pedras preciosas, bens de luxo, além de cartões de crédito, consórcio, leasing. Elas têm de comunicar ao Coaf [atual Unidade de Inteligência Financeira] em 24 horas tudo que recebe e que é suspeito”. (Fonte: Agência Câmara de Notícias).

Telefones úteis

em Dourados

Quantas vezes a gente já precisou fazer uma ligação de emergência, mas não lembrou ou não sabia o número do telefone. Pensando nisso, a Gazeta MS publica alguns números que, se for preciso, serão facilmente encontrado.

Anota aí:

Polícia Militar: 190

Bombeiros: 193

Guarda Municipal: 199 e 153

Polícia Rodoviária Federal (PRF): 191

Polícia Rodoviária Estadual (PRE): 198

SAMU: 192

Polícia Civil - SIG (67) 3411-8080

Aeroporto (67) 3411-7936

O DOF mantém um canal aberto direto com o cidadão para tirar dúvidas, receber reclamações e denúncias anônimas, através do telefone 0800 647-6300. Não precisa se identificar e, a ligação, será mantida em absoluto sigilo. O serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.
Logo publicaremos outros números de emergência.

 

[email protected]

 

 



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE