Secretaria de Esporte dá aval para FFMS decidir sobre mudanças no regulamento por conta da Pandemia do Covid-19

| ESPORTEMS


O presidente da FFMS, Francisco Cezário de Oliveira, convocou os oito clubes classificados para a decisão derradeira do embólio sobre o Campeonato Estadual de 2020. Depois de consultar a Secretaria de Esportes, a FFMS deve transferir aos clubes a decisão sobre mudança no regulamento, visto que o país vive em regime de excepcionalidade em virtude da pandemia. Conforme apresentado no site, a FFMS apresenta o resultado da consulta feita e o resultado foi o descrito abaixo: “o seguinte entendimento sobre a consulta, apenas externando seu posicionamento em caráter consultivo, conforme sua competência legal: a) pela decretação da situação de emergência oriunda da Pandemia relativa a covid-19 e a impossibilidade de previsão legal e estatutária sobre o tema, caberá a Federação solicitante, aos clubes envolvidos, aos atletas e demais participantes, a deliberação sobre a realização, adiamento ou cancelamento dos eventos de futebol no presente ano e das modificações necessárias ao regulamento da competições ante a adaptação do esporte as normas, os cenários e as limitações existentes para a prática desportiva;

O presidente da FFMS, Francisco Cezário de Oliveira, convocou os oito clubes classificados para a decisão derradeira do embólio sobre o Campeonato Estadual de 2020. Depois de consultar a Secretaria de Esportes, a FFMS deve transferir aos clubes a decisão sobre mudança no regulamento, visto que o país vive em regime de excepcionalidade em virtude da pandemia.

Conforme apresentado no site, a FFMS apresenta o resultado da consulta feita e o resultado foi o descrito abaixo:

A reunião dos clubes está convocada para a próxima segunda-feira, às 10h, na sede da entidade com os oito representantes devendo estar presente. A decisão também aponta que não haver transmissão on line. Na última reunião, os clubes Águia Negra, Corumbaense e Maracaju não tiveram participando.

O principal assunto será o da possibilidade de contratação de quantos jogadores quiserem ou um número máximo. O Operário é da tese de 8 jogadores, o Águia havia manifestado de até 5, mas o presidente da SERC, que faz parte do Conselho Arbitral é contra e aceita até no máximo 3. Com isso, visto que o Águia não estava presente, a Serc estaria, em tese, perdendo pelo placar de 2 a 1. O Estadual deve recomeçar no próximo dia 28 com a fase de quartas-de-final com as partidas entre Comercial x Operário; Aquidauanense x Corumbaense; Águia Negra x Maracaju e Costa Rica x Serc.

O principal assunto será o da possibilidade de contratação de quantos jogadores quiserem ou um número máximo. O Operário é da tese de 8 jogadores, o Águia havia manifestado de até 5, mas o presidente da SERC, que faz parte do Conselho Arbitral é contra e aceita até no máximo 3. Com isso, visto que o Águia não estava presente, a Serc estaria, em tese, perdendo pelo placar de 2 a 1.

O Estadual deve recomeçar no próximo dia 28 com a fase de quartas-de-final com as partidas entre Comercial x Operário; Aquidauanense x Corumbaense; Águia Negra x Maracaju e Costa Rica x Serc.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE