O vereador Elias Ishy (PT) indicou a prefeitura de Dourados na sessão desta segunda-feira (04) solicitando que seja incluído no município a obrigatoriedade do uso de máscaras em locais públicos. O parlamentar considerou a importância de ações desenvolvidas para prevenção e conscientização da população sobre a gravidade da contaminação do novo Coronavírus (COVID19). 
Tal medida, segundo ele, segue orientação da Organização Mundial da Saúde e do Ministério da Saúde, que passaram a recomendar o uso de máscaras em versões caseiras mesmo para quem não possui sintomas da doença. Além disso, Mato Grosso do Sul, explica ele, não vai bem quanto ao índice de isolamento social do país, sendo esse um dos principais instrumentos para prevenção. “A máscara, portanto, é mais uma medida que podemos tomar, sabendo que todas elas são importantes neste contexto de pandemia. A questão agora é minimizar riscos”, afirma. 
Ishy também indicou a prefeitura a contratação de costureiras informais e autônomas para a produção e distribuição de máscaras para a população, sendo uma ação de segurança e conscientização dos riscos de contágio, tendo como prioridade pessoas dos grupos de risco e em situação de vulnerabilidade social que são atendidas pelos CRAS. 
O parlamentar lembrou do caso de Campo Grande, que contratou costureiras que irão confeccionar cerca de 12 mil máscaras por dia. “Essa ação se faz necessária em Dourados não somente pela questão de saúde, mas econômica e socialmente”, diz ele.  
O vereador explica que a administração deverá providenciar as condições de trabalho assim como o material a ser confeccionado. “Essa atitude, além de atender com as recomendações, é uma alternativa para a promoção social dessas mulheres, gerando renda e emprego direto, assim como autonomia financeira para muitas chefes de família”, finaliza o vereador.  



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE